Notícia

Bandidos usam foto de família para aplicar golpes no ES

Foto do casal e do filho foi usada por criminosos para atrair vítimas em sites de compra e venda. Na hora de fechar o negócio, o suposto cliente assaltava o vendedor

Foto da família que foi usada para o golpe, no Espírito Santo
Foto da família que foi usada para o golpe, no Espírito Santo
Foto: Paulo Cordeiro / Tv gazeta

Um golpe pela internet está tirando o sono de uma família em Vitória. A foto do casal e do filho foi usada por criminosos para atrair vítimas em sites de compra e venda. Na hora de fechar o negócio, ao invés de comprar o produto anunciado, o suposto cliente assaltava o vendedor. Agora, a família está sendo ameaçada pelas vítimas dos assaltantes. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Para o casal Analine e Wesley Carneiro, o uso da foto da família foi para dar mais credibilidade aos criminosos antes do golpe.

Leia também

"A pessoa coloca lá uma foto de família, marca com a vítima, chega na hora e assalta. Aí minha foto fica lá", disse Wesley.

Os dois contaram que ficaram sabendo do uso indevido da foto depois que começaram a receber as ameaças. Em um áudio recebido em um aplicativo de mensagens, um homem culpa Wesley e diz que já sabe onde a família mora.

"Dizem que têm o endereço da minha casa, o número, tudo. Eu tenho medo de acontecer o pior comigo, quando eu estiver andando com a minha família e atentarem contra mim", falou Wesley.

INVESTIGAÇÃO

O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC). O delegado Brenno Almeida, responsável pelo caso, disse que já está investigando o caso e explicou que é comum criminosos usarem fotos e dados de outras pessoas para cometer crimes pela internet.

"Os criminosos se utilizam desse artifício de criar um perfil falso, utilizando dados de terceiros que não têm nada a ver e muitas vezes nem sabem o que está acontecendo. Só vão saber quando acontece uma situação igual a dessa família", explicou.

Casal disse que está sendo ameaçado após foto ser usada indevidamente na internet para golpe
Casal disse que está sendo ameaçado após foto ser usada indevidamente na internet para golpe
Foto: Paulo Cordeiro / Tv gazeta

O delegado também dá algumas orientações para quem costuma fazer negócios em sites de compra e venda.

O alerta é maior quando é marcado um encontro para fechar o negócio. "A gente orienta hoje de marcar em frente a uma unidade policial, pois o bandido vai se sentir inibido de cometer um golpe bem em frente a uma unidade da polícia", finalizou o delegado.

Ver comentários