Notícia

Com cartazes de apoio, candidatos são recebidos para o 2º dia de Enem

Os portões fecharam às 13h e as provas começas às 13h30

Candidatos à espera para a prova do Enem, em Vitória
Candidatos à espera para a prova do Enem, em Vitória
Foto: Bernardo Coutinho

Com direito a torcida e apoio, os candidatos que vão fazer a segunda e última etapa do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, neste domingo (10), chegaram aos locais de prova tranquilos e confiantes que irão fazer um bom exame. A prova, que vai contemplar as disciplinas de Ciências da Natureza e Matemática, começa às 13h30. 

Mensagens como "Respira, não pira. Existe vida após o Enem", estampavam os cartazes expostos pelos jovens da Aliança Bíblica Universitária, que ficaram em frente a Faesa, na Avenida Vitória. Eles explicam que o apoio é primordial para um dia de tensão como este.

Jovens da Aliança Bíblica Universitária estão com cartazes de apoio aos candidatos do Enem 2018
Jovens da Aliança Bíblica Universitária estão com cartazes de apoio aos candidatos do Enem 2018
Foto: Patrícia Scalzer

Apesar de muitos terem chegado tranquilamente, teve estudante que chegou correndo e ainda caiu na porta do local da prova. Mesmo com a queda, ele conseguiu chegar um minuto antes do fechamento dos portões. Confira no vídeo.

Felipe Barbosa Miossi, de 20 anos, chegou cedo ao CET-Faesa da Avenida Vitória. O estudante vai tentar Medicina. "Estou confiante, as provas semana passada estavam tranquilas", disse o candidato. 

Felipe Barbosa Miossi, 20, se apresenta para a segunda etapa do Enem. Ele vai tentar Medicina
Felipe Barbosa Miossi, 20, se apresenta para a segunda etapa do Enem. Ele vai tentar Medicina
Foto: Patrícia Scalzer

Já o mecânico industrial Maycom de Almedia, 40 anos, está fazendo o Enem pela quarta vez. "Em uma das vezes que participei do Enem fiz sete mil pontos e não usufrui dos benefícios. Neste quero me esforçar para atingir uma boa pontuação para eu conseguir uma vaga no curso de engenharia de produção ou psicologia da Ufes", disse.

O mecânico industrial Maycom de Almedia, 40 anos, esta fazendo o Enem pela 4 vez
O mecânico industrial Maycom de Almedia, 40 anos, esta fazendo o Enem pela 4 vez
Foto: Cleiton Augusto Soares

Tem também quem vai fazer a prova com o intuito fazer um treinamento para testes futuros, como destaca a estudante Isabela Campos, 16 anos.  "Hoje a prova será menos pesada, acredito que vou fazer uma boa pontuação", conta Isabela, que vai fazer o exame na Faesa. 

Enem 2018: como organizar o tempo no último dia de prova

Isabela Campos, 16 anos, está fazendo o Enem 2018 para treinar
Isabela Campos, 16 anos, está fazendo o Enem 2018 para treinar
Foto: Patrícia Scalzer

A estudante Helen Vieira, 30 anos, pretende cursar Serviço Social na UFEs. "Com a nota do Enem, pretendo conseguir uma bolsa de estudos, se a nota não for suficiente para entrar para a Federal, que é a minha primeira opção. Estudei mais matemática porque tenho mais dificuldade com a matéria", afirmou.

A estudante Helen Vieira, 30 anos, no segundo dia do Enem 2018. Ela pretende cursar Servico Social na Ufes
A estudante Helen Vieira, 30 anos, no segundo dia do Enem 2018. Ela pretende cursar Servico Social na Ufes
Foto: Cleiton Augusto Soares

Sem saber qual curso irá fazer, Julia Freires, 21 anos, tenta o Enem pela terceira vez. "Quero estudar na Ufes, não sei qual curso. Foquei meus estudos em física porque é a matéria que mais tenho dificuldade. Fiz vários exercícios e com isso espero alcançar uma boa pontuação", ressaltou.

Julia Freires, 21 anos, faz Enem pela terceira vez
Julia Freires, 21 anos, faz Enem pela terceira vez
Foto: Cleiton Augusto Soares

Querendo cursar Psicologia, na Ufes, Esther Fiori, 19, diz que focou bastante nos estudos. "É a segunda vez que faco o Enem. Este ano me dediquei de uma forma diferente. Meu tempo de estudo teve mais qualidade. Com o tempo, aprendemos a estudar melhor".

Esther Fiori, 19 anos, tenta pela segunda vez o Enem
Esther Fiori, 19 anos, tenta pela segunda vez o Enem
Foto: Cleiton Augusto Soares

Ver comentários