Notícia

Três irmãs de Fundão engravidam ao mesmo tempo sem combinar

A cada sexta-feira, durante três semanas seguidas, uma chegava na casa dos pais com a notícia

As irmãs Lorena, Jaianny e Iasmym
As irmãs Lorena, Jaianny e Iasmym
Foto: Acervo Pessoal

Três sextas-feiras seguidas e a notícia de três netos a caminho. Foi desse jeito que um casal de Fundão descobriu que as três filhas estavam grávidas ao mesmo tempo. A cada sexta-feira, uma chegava na casa dos pais com a notícia. Com tanta coincidência, claro, as gestações viraram o assunto da cidade onde a família mora, na Região Metropolitana da Grande Vitória. "Deixamos nossos pais loucos (risos)... E nós também", diz uma das irmãs, a funcionária pública Lorena Nascimento De Carli Simonasse, 28 anos.

>'Por que não um milagre?', diz médico de mãe com câncer

Lorena, que está de três meses, conta que a família vive uma felicidade sem tamanho. "Não conseguíamos conter as lágrimas, estamos vivendo um verdadeiro sonho. Nunca imaginávamos engravidarmos juntas. É uma emoção sem tamanho. Nossa família ficou em festa. Na rua todos ainda ficam surpresos quando falamos que nós três estamos grávidas e de um mês de diferença apenas pra cada", diz Lorena.

Segundo a funcionária pública, a cidade está eufórica. "Somos de uma família muito conhecida e todos nos param pra perguntar se é verdade mesmo".

SEM COMBINAR

O que chama a atenção nessa história é que elas não combinaram, uma nem estava tentando ter filhos. "O mais engraçado de tudo foi que nós não combinamos. A minha irmã que engravidou primeiro ia fazer quatro anos de casada, e a outra já tinha 5 anos de casada. Eu casei em junho deste ano. Sempre falei que, quando casasse, não ia tomar mais remédio para poder engravidar, porque já tenho 28 anos".

Antes de mim, a Iasmym, já tinha cinco meses que ela tinha parado de tomar o remédio para poder tentar engravidar, mas não tinha engravidado. Numa bela sexta-feira, ela nos deu a notícia de que estava grávida
Lorena, funcionária pública

Era só o começo das surpresas. "Eu, até então, não sabia que estava. Na outra sexta-feira, a minha outra irmã, a Jaianny, veio e contou que estava grávida também. Assutada, porque ela não esperava. A vida dela é muito corrida, ela faz duas faculdades. Está terminando uma e trabalhando em academia. Naquela agitação toda, ela não parava para ter filho. Engravidou porque esqueceu de tomar o remédio. Na quinta-feira ela fez o exame e também na sexta deu a notícia. Nisso, ficou a gozação da nossa família e ficaram esperando por mim".

>Diarista perde 40 quilos depois de ficar presa em roleta de Transcol

E chegou a vez da Lorena. "Eu trabalhando - como tinha parado de tomar o remédio, mas não estava sentido nada - pensei em fazer o exame. Quando fiz o exame na outra sexta, deu positivo (risos). Foram três sextas-feiras seguidas dando a notícia (risos). Foi muito legal, mas a gente não combinou", reforça.

EXPECTATIVA

Estamos cheias de planos. Não vemos a hora dos barrigões aparecerem para fazermos nosso book juntas. O bom disso tudo é poder compartilharmos cada momento juntas, opiniões e emoções. Sempre unidas, agora ainda mais, nossos bebês serão primos-irmãos. Não vemos a hora de conhecê-los
Lorena, funcionária pública

SEXO DOS BEBÊS

Curtindo a fase de notícias boas, Lorena acaba de saber o sexo do bebê. "Já temos o Valentin, filho da Iasmym, e a Maria Luíza, filha da Jaianny, e estávamos ansiosos pra a descoberta se o meu seria Josué ou Lavínia. Acabei de saber quer será Lavínia".

AS IRMÃS

- Lorena Nascimento De Carli Simonasse, funcionária Pública, 28 anos, 3 meses de gestação

- Iasmym Nascimento De Carli Falqueto, professora/pedagoga, 25 anos, 5 meses de gestação

- Jaianny Nascimento De Carli Duarte, professora Educação Física, 24 anos, 4 meses de gestação