Notícia

Mudança na circulação dos ventos pode trazer chuva ao ES

Condições de chuva devem aumentar com a mudança na circulação dos ventos; o Climatempo informou que pode chover no Espírito Santo

Chuva [foto ilustrativa]
Chuva [foto ilustrativa]
Foto: Reprodução | Pixabay

As temperatuas elevadas permanecem em terras capixabas e o calor é geral em todo o Espírito Santo, inclusive na Capital. De acordo com o Instituto Climatempo, isso pode mudar. Na sexta-feira (25), ocorre uma mudança na circulação dos ventos que deve colaborar para a expansão das áreas de instabilidade em toda a Região Sudeste do Brasil.

> Afinal, por que está fazendo tanto calor no verão em Vitória?

Por conta disto, as condições de chuva devem aumentar em todo o Espírito Santo e também em Minas Gerais; a expectativa é de que ocorram pancadas de chuva entre a tarde e a noite.

Já o Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) prevê pancadas isoladas de chuva a partir da tarde na Região Sul e Serrana. Na Grande Vitória, pode haver variação de nuvens ao longo do dia. A temperatura mínima de deverá ser de 24 °C e a máxima de 34 °C.

DÉFICIT DE CHUVA

A Capital do Espírito Santo, assim como todo o Estado, está sofrendo com a escassez de chuva. De acordo com dados do Instituto de Meteorologia (Inmet), divulgados pelo Climatempo, Vitória é a segunda capital do Brasil que registrou menos chuva em 2019 até esta segunda-feira (21).

No topo de lista está Aracaju, no Sergipe, que registrou 3,6 milímetros de chuva até ontem; em 2º lugar, Vitória, com 8,2 milímetros; em 3º, Boa Vista, em Roraima, com 8,4 milímetros de chuva; em 4º, Natal, no Rio Grande do Norte, com 12,7 milímetros e, por último, Salvador, na Bahia, com apenas 15,9 milímetros de chuva.

O Inmet apontou que, com relação às capitais, o déficit de chuva está em 94% da média de janeiro em Vitória, 78% em Belo Horizonte e 53% em São Paulo, até o último dia 17.

Ver comentários