Notícia

Vila Velha terá patinetes elétricos compartilhados

Sistema deve começar a funcionar ainda neste primeiro semestre do ano

Foto: Divulgação

A cidade de Vila Velha vai ganhar patinetes elétricos compartilhados já no primeiro semestre deste ano. O anúncio foi feito pelo prefeito Max Filho durante entrevista à TV Gazeta.

Segundo o secretário municipal de administração, Rafael Gumiero, o equipamento será movido à bateria e terá autonomia de 30 quilômetros. A velocidade máxima alcançada será de 20km/h. “Os patinetes elétricos vão ajudar bastante a descomprimir os modais tradicionais”, diz. A prefeitura pretende adquirir entre 100 e 150 equipamentos.

O secretário afirmou que uma empresa privada vai administrar o serviço, como é feito hoje com o compartilhamento de bicicletas. Ele esclarece ainda que será enviado hoje à Câmara de Vereadores um projeto para que seja alterado o contrato com a empresa responsável pelo gerenciamento do BikeVV para que ela também se responsabilize pelos patinetes. Caso não seja possível, a alternativa será fazer nova concorrência pública.

Leia também

CONSULTA

Ainda de acordo com Gumiero, o modelo do novo patinete ainda não foi escolhido. “Existem vários tipos, com ou sem selim, mas vamos escolher ouvindo a população em uma consulta pública nos próximos dias”, anuncia.

O secretário não soube informar exatamente quanto vai custar, mas explicou que nas cidades onde o modal já foi implementado, ele costuma custar, em média R$ 4 reais por hora.

Também não foram escolhidos os locais onde ficarão as estações com os patinetes. Segundo a prefeitura, pode ser até que eles fiquem espalhados pela cidade. “Há modelos que o patinete é disposto ao longo da cidade e não conectado a uma estação. O patinete é travado e só libera a partir do acionamento do aplicativo ou eventualmente do cartão”, explica.

Sobre o receio de que os equipamentos possam ser furtados, ele falou que a preocupação não é prioritária e que a experiência com o BikeVV mostra que os casos de vandalismo não são a regra. “Eventualmente, até acomodação, tem uma situação ou outra de vandalismo, mas política boa para a população a gente não pode frear por uma situação dessa.” Além disso, o equipamentos serão munidos de rastreador.

VITÓRIA

A prefeitura de Vitória foi demandada sobre o andamento da implantação dos patinetes elétricos na capital, mas respondeu, por meio de nota, que se pronunciará nos próximos dias.

Ver comentários