Notícia

"Nunca desista", diz diarista que sobreviveu a ataque do ex na Serra

Marciane teve quase metade do corpo queimado pelo ex-marido. Mesmo diante da brutalidade que sofreu, ela dá exemplo de perseverança

Diarista que teve quase metade do corpo queimado por ex-marido volta para casa no Espírito Santo
Diarista que teve quase metade do corpo queimado por ex-marido volta para casa no Espírito Santo
Foto: Oliveira Alves | TV Gazeta

Depois de ficar 151 dias internada, a diarista Marciane Pereira dos Santos teve alta nesta sexta-feira (8). Ela teve quase metade do corpo queimado pelo ex-marido e precisou amputar a perna. Mesmo diante da brutalidade que sofreu, Marciane dá exemplo de perseverança.

Eu falo para as pessoas: Não desista, independentemente da situação, da luta, seja uma doença, um desemprego, ainda há uma esperança. Como eu tive a minha
Marciane Pereira dos Santos

As queimaduras deixaram sequelas profundas. Ela ainda vai passar por cirurgias reparadoras. Apesar do tratamento doloroso, ela não pensa em desistir.

"Caí, eu levanto de novo. Coloca um sorriso na cara, vai doer, vai. Vai deixar sequelas, mas se tiver alguém do seu lado, torcendo por você, te apoiando e vibrando ali por você. Família, amigos. É onde que você se fortalece mais ainda", completou.

Equipe médica homenageou a diarista após a alta
Equipe médica homenageou a diarista após a alta
Foto: Oliveira Alves | TV Gazeta

Na alta, a diarista foi homenageada pela equipe que cuidou dela durante todo o tempo. O médico que acompanhou o tratamento de Marciane contou que ela chegou muito debilitada ao hospital. As chances eram pequenas de sobrevivência.

> Três homicidas são presos durante operação na Serra

"Sempre foi uma paciente muito colaborativa, entendeu todos os processos. Cada banho, anestesia, cada procedimento para reparação de pedaços que haviam sido destruídos. Sempre muito participativa e leal ao tratamento", contou o médico Eric Gaigher.

A irmã de Marciane, que acompanhou toda a recuperação, está mais aliviada com a alta. "Ela é muito importante para mim ter ela dentro de casa, com a gente. Para receber o amor que temos por ela", disse Roseane Duarte.

CRIME

A diarista teve o corpo incendiado na casa onde mora, no bairro Jardim Tropical na Serra, no dia 8 de setembro de 2018.

A vítima mora com os dois filhos, de 5 e 2 anos. Segundo testemunhas, ela voltava para casa quando foi surpreendida e encurralada pelo ex-marido, que cometeu o crime.

Marciane Pereira dos Santos
Marciane Pereira dos Santos
Foto: Arquivo da família

O ex-marido de Marciane é o acusado do crime. André Luiz dos Santos, que é cadeirante, responde por tentativa de homicídio e está preso desde 12 de setembro.

À polícia, ele confessou o crime e disse que foi motivado por ciúmes da vítima.

Ver comentários