Notícia

Rodovia ES 010 continua interditada na Serra

De acordo com informações da Guarda Municipal, ondas atingem as pedras, acarretando riscos de invasão à pista

ES 010 foi interditado no final da tarde desta sexta-feira (22)
ES 010 foi interditado no final da tarde desta sexta-feira (22)
Foto: Reprodução

Um trecho da rodovia ES 010, na Serra, continua interditado neste sábado (23), na altura da Praia de Capuba, em decorrência da forte ressaca que atingiu diversas praias do litoral do Estado.

Segundo informações do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Espírito Santo (DER-ES), a equipe de engenheiros já esteve no local nesta manhã para avaliar possíveis danos. "Não houve dano algum à pista, ela se encontra em perfeito estado e não oferece risco. Estamos agora aguardando a limpeza da via, já que a ressaca jogou areia e pequenas pedras no asfalto. A nossa equipe segue monitorando", informou o órgão.

De acordo com informações da Guarda Municipal da Serra, ondas atingiram as pedras, o que poderia acarretar em riscos de invasão à pista. "Apesar de a via principal estar interditada desde ontem, há uma rota para desvio à esquerda, que dá acesso ao bairro", informou.

INTERDIÇÃO POR TEMPO INDETERMINADO

A rodovia foi interditada na altura da Praia de Capuba no final da tarde desta sexta-feira (22). Motoristas que costumam passar pela região precisaram mudar a rota e passar por dentro do bairro, porque as duas vias foram interditadas pela Defesa Civil da cidade.

Segundo a Prefeitura da Serra, a interdição permanecerá por tempo indeterminado, até o fim da ressaca do mar.

> Ressaca causa destruição nas praias do Espírito Santo

De acordo com a prefeitura, guardas de trânsito foram acionados para orientar os condutores até a chegada do Batalhão de Trânsito, por se tratar de uma rodovia estadual.

A reportagem do Gazeta Online acionou o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Espírito Santo (DER-ES) responsável pela rodovia nesta sexta. O órgão apenas informou que "a interdição foi realizada pela Prefeitura da Serra".

A Prefeitura da Serra reforça que a interdição foi feita para evitar acidentes, já que a maré estava alcançando a via, inclusive trazendo pedregulhos.

"A liberação será avaliada pelo DER, responsável pela rodovia. O órgão já foi acionado pela Defesa Civil da Serra, assim como a Defesa Civil Estadual. A EDP também foi acionada para avaliar os postes do local. No momento, agentes da guarda da Serra estão no local orientando o desvio por dentro do bairro Capuba até o que o DER avalia se a interdição continuará ou não".