Notícia

Campanha de vacinação contra a gripe começa nesta quarta-feira (10)

No Espírito Santo, a expectativa é imunizar 1.036.563 pessoas que fazem parte do público-alvo

Vacinação: imunização na rede pública protege contra três vírus de gripe
Vacinação: imunização na rede pública protege contra três vírus de gripe
Foto: Arquivo

Nesta quarta-feira (10) começa a campanha de vacinação contra gripe em todo o país. No Espírito Santo, a expectativa é imunizar 1.036.563 pessoas que fazem parte do público-alvo. Para tentar vacinar o maior número de pessoas, alguns municípios traçam estratégias durante a campanha, como o agendamento online e a vacinação nas unidades de educação infantil. A vacinação vai até o dia 31 de maio.

Vitória e Cachoeiro de Itapemirim são os únicos municípios do Estado que disponibilizam agendamento online para o morador receber a vacina contra a gripe. De acordo com a gerente de Políticas de Saúde de Cachoeiro de Itapemirim, Marusca Mesquita, desta forma, pessoas que fazem parte do grupo de risco que não podem ficar muito tempo esperando conseguem se programar. “O agendamento é para aquele pai ou mãe que quer se organizar naquele horário, para que ele seja atendido naquele horário na unidade de saúde”.

O agendamento online acontece em 10 das 32 unidades de saúde de Cachoeiro de Itapemirim, pelo endereço agendamento.cachoeiro.es.gov.br . A vacinação também é realizada sem agendamento nas unidades.

Vitória

Em Vitória a vacinação só acontece após a marcação eletrônica. Pelo endereço agendamento.vitoria.es.gov.br o munícipe pode escolher o dia, horário e unidade de saúde para atendimento.

De acordo com a Coordenadora da Vigilância Epidemiológica da Capital, Tatiane Comério, quem tem dificuldade para fazer o agendamento online pode marcar o dia de tomar a vacina na própria unidade de saúde ou esperar até o dia 04 de maio, sábado, ‘Dia D’ de vacinação. Neste dia, haverá vacinação sem necessidade de agendamento. “Aquelas pessoas que até o dia 03 de maio não conseguiram se agendar vão poder, no sábado do Dia D, procurar as unidades de saúde e serem vacinadas sem o agendamento. É uma demanda espontânea”, contou.

A expectativa do município é imunizar 105 mil pessoas. Só tem direito a vacina contra gripe na rede pública quem faz parte do grupo prioritário, que são: crianças de 6 meses a 6 anos, grávidas, pessoas com mais de 60 anos, indígenas, mulheres no pós-parto (até 45 dias), jovens sob medida socioeducativa, presidiários, funcionários do sistema prisional, portadores de doenças crônicas, trabalhadores da saúde e da educação.

De acordo com Tatiane, só receberá a imunização quem comprovar que faz parte do grupo de risco. “Se for trabalhador da saúde que apresente o crachá, carteira profissional ou declaração. O professor deve levar a declaração da escola. Os idosos e crianças devem levar os documentos e cartão de vacina.”

Imunização nas escolas

Em Viana, para garantir a cobertura de 100% da vacinação nas crianças, até a próxima sexta-feira (12) as 12 unidades de educação infantil vão oferecer a vacina de gripe para os alunos. De acordo com a subsecretária de Saúde do município, Camila Valder, um bilhete informando a vacinação, que começou nesta terça, foi enviado aos responsáveis dos alunos. “Nós enviamos um bilhete pedindo a autorização do responsável para vacinar a criança na própria escola. Isso garante uma maior cobertura, pois, muitos pais trabalham durante o dia”.

Em todo ano passado, apenas dois casos de H1N1 foram registrados no município, sendo um idoso e uma criança. Segundo Camila, esse número pequeno de casos é em decorrência da vacinação contra a gripe. “Viana tem 76 mil habitantes e só tivemos dois casos de H1N1. A vacina faz toda diferença, quando o grupo prioritário se vacina, outras pessoas também ficam protegidas”, afirmou.

O município também vai realizar mais um “Dia D de vacinação”. Além do dia 04 de maio, onde as unidades de saúde de todo país vão funcionar exclusivamente para vacinação contra gripe, haverá também vacinação no dia 11 de maio, um sábado após o Dia D.

Ver comentários