Notícia

Construção de ciclovia e Zona 30 mudam trânsito na Rua da Grécia

A Rua da Grécia, no Barro Vermelho, tem alterações com obras de calçadas acessíveis, instalação de ciclovia e canteiro ao lado do Canal da Passagem.

Obras para implantação de ciclovia na Rua da Grécia, no Barro Vermelho
Obras para implantação de ciclovia na Rua da Grécia, no Barro Vermelho
Foto: Eduardo Dias

Depois de ser implementada em ruas dos bairros República, de Lourdes e de Santa Lúcia, a mudança na velocidade máxima conhecida como Zona 30 foi adotada em um quarto bairro de Vitória. Agora, quem passa pela Rua da Grécia, no Barro Vermelho, já percebe as mudanças de sinalização: a velocidade máxima é de 30 quilômetros por hora. A intenção, de acordo com a prefeitura, é deixar o trânsito de alguns locais da cidade mais seguro e humanizado.

Essa não é a única transformação que ocorre na via, que também serve de ligação entre a avenida Rio Branco e a Reta da Penha. A rua recebe a construção de uma ciclovia, o que motivou a antecipação da Zona 30. Antes da alteração, a velocidade máxima no local era de 40 quilômetros por hora. Não está descartado que outras ruas do bairro também tenham a velocidade máxima reduzida.

 

MUDANÇA PARA CARROS, PEDESTRES E CICLISTAS

A Secretária de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana de Vitória, Ana Eliza Amorim, afirmou que as vias com a limitação de velocidade são escolhidas após estudos técnicos, que levam em conta a quantidade de carros, pedestres e ciclistas que passam pela região.

"Nós estamos fazendo estudos de estatísticas para ter um número concreto da redução de ocorrências, mas, com certeza, é uma ação que traz muito benefícios para todos", avaliou a secretária.

Ana Eliza Amorim também afirmou que nove outros bairros devem contar com a implantação da Zona 30 até o fim do ano que vem, mas que a medida não deve ser adotada em vias com grande fluxo de veículos, para não atrapalhar o trânsito.

RUA ESTREITA

A psicóloga Amanda Nunes passa pela Rua da Grécia todos os dias e gostou da diminuição da velocidade para os veículos. "Eu acho que vai melhorar. Acho que estão tentando fazer uma coisa mais segura para os pedestres e para os motoristas, para não causar acidente. Essa rua é muito estreita e tem uma curva bem puxada", avaliou a psicóloga.

A psicóloga Amanda Nunes passa pela Rua da Grécia todos os dias e gostou da diminuição da velocidade para os veículos.
A psicóloga Amanda Nunes passa pela Rua da Grécia todos os dias e gostou da diminuição da velocidade para os veículos.
Foto: Eduardo Dias

A Rua da Grécia está passando por diversas obras de calçadas acessíveis, instalação de ciclovia e canteiro ao lado do Canal da Passagem. No início deste mês, também no Baro Vermelho, foi iniciada a construção da ciclovia na rua Vitalino dos Santos Valadares, que ligará a ciclovia da rua da Grécia às avenidas Reta da Penha, Maruípe e Leitão da Silva.

Ver comentários