Notícia

Içamento de vigas de 170 toneladas chama atenção em Viana

Vigas são para a construção de viaduto no trevo de Viana, entre a BR 101 e a BR 262

Içamento de vigas de 170 toneladas chama atenção em Viana
Içamento de vigas de 170 toneladas chama atenção em Viana
Foto: Caíque Verli

Uma operação de içamento de vigas para a construção de viaduto no Trevo de Viana chamou a atenção de motoristas e gerou um pequeno impacto no trânsito no trecho, que fica entre a BR 101 e a BR 262. Até este domingo serão içadas 5 vigas, que estavam armazenadas em um posto de combustível próximo - cada uma delas pesa nada menos que 170 toneladas e mede 40 metros.

Para o transporte das vigas, o trânsito terá cinco bloqueios de até 15 minutos. Três já foram transportadas na manhã deste sábado, as duas últimas serão levadas no domingo. Quatro guindastes de grande porte são utilizados na operação.

Içamento de vigas de 170 toneladas chama atenção em Viana
Içamento de vigas de 170 toneladas chama atenção em Viana
Foto: Caíque Verli

O gerente de engenharia da ECO 101, concessionária que administra a BR 101, Rodrigo Rodrigues, diz que as obras devem terminar até o final do ano, incluindo a construção desse viaduto e a duplicação da 101 entre o trevo e Guarapari. "É um viaduto que vai permitir os movimentos de entrada e saída da BR 101 com a BR 262 sem a necessidade de parada, o que vai melhorar muito o trânsito da região, dando mais fluidez tanto na 101 quanto na 262", explica.

O impacto no trânsito foi pequeno neste sábado, mas alguns motoristas reclamam que as intervenções que já aconteceram atrapalharam muito o percurso até Viana. O motorista Carlos Miranda é um deles.

"Uma vez eu vim de Campinho e peguei trânsito de Campinho até aqui. Mais tarde, por exemplo, quando o pessoal tiver voltando, até de Campinho se pega trânsito pra chegar aqui por causa das obras", conta.

Segundo a ECO 101, com o viaduto, os veículos não precisarão mais parar para entrar ou sair da BR-101, seja no sentido Domingos Martins/Vitória Guarapari/Domingos Martins. A construção desse viaduto custará R$ 16,5 milhões. Após a conclusão da obra, ele substituirá o canteiro hoje existente no local, sendo feita uma interseção em desnível.

As obras de ampliação da rodovia entre Viana e Guarapari tiveram início em maio de 2018 e têm previsão de conclusão em dezembro de 2019. Segundo a ECO 101, todo o trecho contará com duas faixas de rolamento para cada sentido, separadas por canteiro central ou barreira de segurança de concreto.

Ver comentários