Notícia

Quatro meses após decreto, regras de uso de patinete são ignoradas

Veículo é usado por crianças e na rua, em Vitória. Resultado de consulta pública não saiu

Usuários circulam no meio da rua com patinetes elétricos em Jardim da Penha
Usuários circulam no meio da rua com patinetes elétricos em Jardim da Penha
Foto: Carlos Alberto Silva

Quase quatro meses depois do regulamento do uso de patinetes elétricos compartilhados em Vitória, muita gente continua desrespeitando as regras. A equipe de A GAZETA flagrou crianças conduzindo os veículos, pessoas dividindo um único equipamento e até mesmo trafegando nas ruas. Além disso, apesar de não conseguirem medir a velocidade, a percepção dos pedestres é de que os usuários abusam da velocidade.

Desde 4 de abril, o uso de patinetes compartilhados em Vitória possui normas regulamentadas pela prefeitura por meio de decreto. Entre elas, estão a utilização do veículo apenas por maiores de 16 anos, limite de velocidade de 6 km/h em calçadas e ciclovias e proibição de uso do equipamento em ruas e avenidas. As regras passaram por consulta pública durante o mês de junho para que fossem reformuladas e se adequassem às necessidades da população.

Leia também

Contudo, um mês após a consulta pública ter sido encerrada, nenhuma mudança foi feita e a população tem, inclusive, ignorado regras já estabelecidas. O patinete tem sido utilizado nas ruas, onde o tráfego não é permitido, e de forma irresponsável.

“Eles passam muito próximo do pedestre, andam fora do local permitido, quase derrubam a gente. Não sou contra o patinete, mas as pessoas precisam ter consciência e respeitar as regras. Infelizmente a gente não tem visto isso”, disse o segurança patrimonial Áureo Júnior, 55 anos.

Por enquanto, sem definição após a consulta pública, não está prevista multa para quem desrespeita as regras.

VELOCIDADE

O excesso de velocidade tem preocupado muitos pedestres, principalmente aqueles que usam a orla para realizar atividades físicas. As irmãs Andressa e Andrea Lopes caminham no calçadão da Praia de Camburi todos os dias à tarde e relatam que por diversas vezes já tiveram que se afastar e dar passagem ao veículo para não se machucar.

“Eles andam muito rápido, ficam fazendo zig-zag com os patinetes na calçada, fazem gracinha, quase derrubam a gente no chão. A gente tem que andar olhando para trás. É um absurdo!”, declarou Andrea Lopes.

A indignação é compartilhada também pelo aposentado Valnei Costa, 78 anos, que já presenciou até acidentes por causa do mau uso do patinete.

“O rapaz estava andando muito rápido, se desequilibrou e caiu em cima de um idoso que estava caminhando. A gente fica com medo, porque eles vêm para cima da gente, não estão nem aí para as regras”, contou.

Além dos problemas relatados, não é difícil notar crianças usando os patinetes, inclusive compartilhando com os pais, o que é proibido pelo decreto. A regulamentação diz que apenas maiores de 16 anos podem fazer uso do equipamento e que apenas uma pessoa deve fazer uso do patinete por vez.

PREFEITURA

Crianças usam patinete em Camburi. Além de ser proibido para menores de 16 anos, o veículo não deve ser usado por mais de uma pessoa
Crianças usam patinete em Camburi. Além de ser proibido para menores de 16 anos, o veículo não deve ser usado por mais de uma pessoa
Foto: Vitor Jubini

 

 

Quase um mês depois de ter recolhido as sugestões da população para rever as regras do uso de patinetes, a Prefeitura de Vitória ainda não realizou nenhuma mudança no decreto e informou que não há previsão de quando isso será feito.

Questionada sobre que tipo de sugestões foram recebidas e quais mudanças devem nas normas devem ser feitas, a administração municipal só informou que todas as sugestões estão sendo avaliadas. A respeito da possibilidade da aplicação de multas para aqueles que desrespeitarem regras, a prefeitura se limitou a dizer que trabalha com a conscientização dos usuários.

AS REGRAS

O QUE DIZ O DECRETO

Apenas maiores de 16 anos podem utilizar os patinetes elétricos compartilhados. Crianças não podem usar o equipamento, mesmo com a supervisão dos pais.

Os patinetes devem trafegar só em calçadas e ciclovias. Nas calçadas, o limite de velocidade é de 6 km/h. Já nas ciclovias é de até 20 km/h.

É proibido que mais de uma pessoa use um único patinete ao mesmo tempo.

Não está prevista punição com multa. Uma consulta pública para rever as regras foi feita, mas o resultado não foi divulgado.

Ver comentários