Notícia

Faltam vacinas contra sarampo em clínicas particulares na Grande Vitória

Demanda aumentou e laboratórios direcionaram vacinas para os Estados onde o surto é maior. No entanto, é importante frisar que não faltam imunizações contra a doença na rede pública capixaba

Apesar da falta de vacinas na rede particular de saúde, as unidades de atendimento da rede pública contam com estoque das imunizações
Apesar da falta de vacinas na rede particular de saúde, as unidades de atendimento da rede pública contam com estoque das imunizações
Foto: Pixabay

Após confirmação de um caso de sarampo no Espírito Santo, o Gazeta Online recebeu mensagens de internautas sobre a falta de vacinas para a prevenção da doença infecciosa nas clínicas particulares da Grande Vitória. De acordo com a totalidade dos centros de vacinação acionados, de fato as imunizações estão indisponíveis na rede privada.

> Sarampo: vacina, sintomas e tratamento.Tudo o que você precisa saber

Segundo um dos médicos infectologistas responsáveis pela clínica São Miguel, o médico Tálib Moussallem, os laboratórios direcionaram as vacinas de sarampo apenas para os Estados onde o surto é maior, como São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. "Além disso, não nos foi dada previsão de recebimento", comentou.

No mesmo sentido, a enfermeira Márcia, responsável pela aplicação de vacinas em uma das unidades do Centro de Vacinação da Praia (CVP), diz que a procura tem sido muito grande. "As pessoas ligam, vêm aqui, chegam com cartão de vacina. Nossa recomendação é procurar a rede pública, já que a Tríplice viral, que engloba sarampo, caxumba e rubéola, está disponível lá. A grande questão é que os dois laboratórios fabricantes, o GSK e o MSD, não têm a vacina para o envio. Quando chega aqui, costuma custar R$ 80", relatou.

Leia também

De acordo com o Laboratório Pretti, a vacina está em falta devido ao aumento inesperado da demanda. "Estamos sem no estoque. Nós costumamos ter uma demanda contínua e, quando um surto se inicia, os fornecedores não conseguem suprir a demanda toda, o que já aconteceu antes com a gripe e com a febre amarela, por exemplo. Quando temos à venda, costuma custar R$ 75".

A SIS Vacinas, quando questionada, também se manifestou no sentido da falta da tríplice viral.

> Veja como está a campanha de vacinação na sua cidade

NÃO FALTAM VACINAS NA REDE PÚBLICA

Apesar da falta de vacinas na rede particular de saúde, as unidades de atendimento da rede pública contam com estoque das imunizações.     

Cariacica

Não há falta de vacina nas unidades anunciadas como vacinadoras: Bela Aurora, Bela Vista, Operário, Cariacica Sede, Itaquari, Itapemirim, Novo Brasil, Nova Rosa da Penha II, Oriente, Rio Marinho, Santa Bárbara, Santa Fé, São Francisco, Jardim América, Porto de Santana, Jardim Botânico, Valparaíso.

Vila Velha

Diariamente 17 unidades de saúde estão procedendo à vacinação do sarampo no município, sendo que é possível afirmar que não há desabastecimento na cidade. Para ter acesso à vacina, o cidadão deve portar documento pessoal, cartão do SUS e cartão de vacina (quando houver). Caso tenha perdido o cartão, o paciente deve avisar à equipe.

Apenas nesta semana foram realizadas 1700 doses da Tríplice viral. No final de semana haverá programa de vacinação nos Shoppings Vila Velha e Boulevard, de 10h às 21h, e nas unidades de Terra Vermelha e Santa Rita, de 8h às 17h. No mês de agosto o Programa Municipal de Imunizações/PMI realizou ação de atualização da caderneta de vacina em várias escolas e transportadoras do município, e esta semana deu início a vacinação no terminal portuário de Vila Velha. Neste momento, na cidade há um caso sob investigação, de uma criança do gênero masculino.

Vitória

A Secretaria Municipal de Saúde de Vitória (Semus) informou que há disponibilidade de vacinas em quaisquer das 28 salas de imunização existentes na capital.

Guarapari

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informa que todas as salas de vacina de Guarapari possuem a vacina do sarampo. Inclusive sábado haverá o Dia D. 

Fundão

O município informou não ter conseguido contato com a Coordenação de Imunização para obtenção de resposta oficial do setor responsável. Já a secretaria de Saúde informou que o estoque disponível é muito baixo devido à grande procura pela vacina.

Viana

A Prefeitura de Viana informou que há dose de vacina contra sarampo em todas as Unidades de Saúde e na Central Vianense de Medicamentos e Vacinas.

Serra

A prefeitura ainda não respondeu.

 

 

Ver comentários