Notícia

Perdeu a consulta médica devido à falta de ônibus? Saiba o que fazer

Pacientes do SUS que não conseguirem chegar ao atendimento vão ter consulta reagendada. Em Vila Velha, alguns serviços como vacinação e entrega de medicamentos estão prejudicados

Terminal de Jardim América, em Cariacica, vazio nesta segunda-feira (12)
Terminal de Jardim América, em Cariacica, vazio nesta segunda-feira (12)
Foto: Fernando Madeira

Os rodoviários da Grande Vitória paralisaram suas atividades na manhã desta segunda-feira (12) e muitos pacientes que dependem do transporte coletivo não conseguiram embarcar ou não pegaram o ônibus no horário que pretendiam. Se você não conseguiu chegar a uma consulta médica ou se atrasou por conta da falta de transporte público, tire dúvidas sobre o que pode ser feito.

REDE ESTADUAL

CRE METROPOLITANO

A direção do Centro Regional de Especialidades (CRE) Metropolitano informa que a unidade está funcionando normalmente nesta segunda-feira (12), mas os pacientes que não conseguirem chegar ao local por falta de meio de transporte terão as consultas remarcadas.

Caso o paciente que não conseguiu ir à consulta agendada não receba a ligação para remarcação, pode entrar em contato posteriormente com o CRE Metropolitano para remarcação da consulta, sem precisar passar novamente pela unidade municipal de saúde para encaminhamento.

> Não chegou ao trabalho por conta da greve? Veja seus direitos

REDES MUNICIPAIS

VITÓRIA

A Secretaria Municipal de Saúde informa que os pacientes estão sendo acolhidos e atendidos. Quem não conseguir atendimento nesta segunda-feira (12) terá sua consulta reagendada.

CARIACICA

Segundo a Prefeitura de Cariacica, as unidades de saúde e os pronto-atendimentos municipais (PAs) estão

Leia também

 funcionando. As consultas poderão ser remarcadas, os pacientes podem fazer a remarcação por telefone ou pessoalmente, quando isso for possível.

VILA VELHA

A Prefeitura de Vila Velha informou que parte da unidades de saúde está funcionando sem oferecer alguns serviços, como vacinação e entrega de medicamentos, por conta do impacto da greve do transporte coletivo que impediu servidores de chegarem aos seus locais de trabalho.

Quem tinha consulta marcada para hoje será reagendado, assim que a situação normalizar. Na área de especialidades do Centro Municipal de Atenção Secundária (Cemas) e de urgência e emergência (PAs da Glória e de Cobilândia e Hospital da Mulher) a situação está normal. Assim que a situação se normalizar, consultas e exames serão reagendados para usuários que também não conseguiram se locomover até as unidades. As unidades estão abertas e funcionando, os pacientes que não conseguiram chegar terão consultas ou exames reagendados. 

SERRA

A prefeitura informou que as unidades estão abertas e funcionando, os pacientes que não conseguiram chegar terão consultas ou exames reagendados.

Ver comentários