Notícia

Vacinação contra sarampo em bebês agora em todo o ES

De seis a 11 meses, a vacina funciona como uma proteção adicional contra a doença. As crianças são mais suscetíveis à forma mais grave da infecção

O Estado ampliou a vacinação contra sarampo para todos os bebês de seis a 11 meses
O Estado ampliou a vacinação contra sarampo para todos os bebês de seis a 11 meses
Foto: Reprodução/Shutterstock

Todas as crianças de idade entre seis e 11 meses poderão ser vacinadas contra o sarampo no Espírito Santo a partir desta quinta-feira (22). A ampliação da faixa etária de cobertura, que antes estava limitada à Grande Vitória em razão do caso confirmado em Cariacica, agora vai beneficiar a todos os bebês no Estado depois de surgirem mais casos suspeitos.

> Sarampo: vacina, sintomas e tratamento. Tudo o que você precisa saber

A vacinação dos bebês será possível devido ao reforço no número de doses que o Ministério da Saúde envia para o Estado. Já chegaram 22 mil vacinas, que estão sendo distribuídas para os municípios, e outras 20 mil são esperadas até o final do mês. 

De toda maneira, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) alerta que a vacina aplicada nos bebês não substitui as que estão programadas no calendário de vacinação das crianças. Trata-se de uma proteção adicional. As doses obrigatórias devem ser dadas aos 12 e aos 15 meses para assegurar a imunização. A ampliação é uma estratégia para evitar um surto epidemiológico e também porque os pequenos são mais suscetíveis à forma mais grave da doença. 

Pessoas de um a 29 anos devem se certificar de que receberam a tríplice viral - vacina que protege contra o sarampo e também contra rubéola e caxumba - duas vezes. Dos 30 aos 49 anos, basta apenas uma dose. Quem não está com a carteira de vacinação em dia, deve procurar uma unidade de saúde e regularizar a situação. 

> Por que algumas doenças já erradicadas estão voltando?

 

 

Ver comentários