Notícia

Bilhete Único começa a valer: veja como funciona e opções de recarga

Todos os usuários de transporte público da Grande Vitória poderão usar o Bilhete Único a partir de domingo, dia 8 de setembro

Secretário da Semobi, Fábio Damasceno, fala sobre o Bilhete Único em coletiva com os prefeitos Max Filho e Luciano Rezende, entre outras autoridades
Secretário da Semobi, Fábio Damasceno, fala sobre o Bilhete Único em coletiva com os prefeitos Max Filho e Luciano Rezende, entre outras autoridades
Foto: Murilo Cussuol

A partir da próximo domingo (08), todos os usuários de transporte público poderão utilizar os cartões do sistema Transcol, dos ônibus da viação Sanremo (linhas de Vila Velha) e das linhas municipais de Vitória (verdinhos) em todos os coletivos da Grande Vitória. 

Embora possa-se utilizar qualquer um dos cartões nos três sistemas viários existentes, ainda não é possível pagar uma única passagem, ou seja, o usuário que sair do Transcol para o Verdinho, por exemplo, pagará duas tarifas. Isso vai acontecer, porque neste primeiro momento foi feita apenas a integração dos sistemas operacionais dos ônibus, a integração da tarifa será realizada na próxima fase do projeto. 

>Bilhete Único: Vitória e Vila Velha começam validação em julho

A novidade faz parte do processo de integração do Sistema de Bilhetagem dos Transportes Coletivos da Região Metropolitana da Grande Vitória e foi divulgada na tarde desta quinta-feira (05), em solenidade no Palácio Anchieta, que contou com a presença do Governador Renato Casagrande (PSB), além dos prefeitos de Vitória e Vila Velha, Luciano Rezende (PPS)e Max Filho (PSDB), respectivamente.

Para o secretário de Estado de Mobilidade e Infraestrutura, Fábio Damasceno o bilhete único garante agilidade no embarque do passageiro, sendo necessário para que a unificação dos preços seja alcançada em breve.

"Ainda precisava fazer a migração de Vitória e Vila Velha para o novo sistema, isso foi concluído e possibilitou que um único cartão seja utilizado em todos os ônibus. É uma ferramenta importante e veio sendo programada para chegar nessa data com o sistema totalmente integrado. Precisávamos fazer a integração física e a partir disso vamos trabalhar para que já no início do ano de 2020 possamos divulgar quando poderá ocorrer a integração tarifária. Ainda há um planejamento a ser feito, mas estamos caminhando bem e rapidamente para se chegar a esse entendimento na mobilidade urbana", disse.

PAGAMENTO VIA APLICATIVO

O usuário não precisará mais recarregar o cartão apenas nos pontos físicos. No fim de outubro o passageiro poderá recarregar o cartão através de aplicativos de celular. A novidade começará a valer a partir do dia 30 de outubro.

"O usuário já pode fazer a recarga pelo site da GvBus, tanto do cartão do cidadão, como os estudantes. A partir do dia 30 de outubro, também poderá ser feita via como PicPay e Recarga Pay por meio do aplicativo do Ônibus GV. Em breve será introduzido fazer o pagamento através de cartão de crédito e débito, tanto nos autoatendimentos e nos pontos físicos de recarga nos terminais", salientou.

PRATICIDADE

Além da novidade em relação às recargas via aplicativos de pagamento, o usuário também encontrará novos terminais de autoatendimento pela Grande Vitória. A intenção é espalhar esse pontos em shoppings e pontos estratégicos da região metropolitana.

"Já estamos em conversa com os shoppings para que instalemos esses terminais para facilitar a vida do usuário. A meta é ter essa ferramenta em pontos de grande circulação de pessoas e os shoppings são um deles", destacou o secretário.

ÔNIBUS ITINERANTE

Outra novidade ao usuário é a criação de um ônibus itinerante, que atenderá regiões onde não há terminais do Transcol, nem terminais de autoatendimentos para recargas. O veículo começará a operar na próxima segunda-feira (09) e o primeiro local beneficiado será Marcílio de Noronha, em Viana. O usuário poderá não apenas efetuar a compra de créditos, como também fazer o próprio cartão.

Atualmente, cerca de 400 mil usuários do Transcol tem o bilhete único, sendo aceito em todos os coletivos do sistema. A Semobi afirma que, a partir de setembro, também os municipais de Vitória e Vila Velha, quando o usuário poderá usar o cartão para acessar qualquer sistema, mas ainda pagando duas passagens. A integração tarifária acontece no ano que vem.

COMO FUNCIONA?

Os novos ônibus com ar condicionado só aceitam o bilhete único de passagens. Não há passagem pagas em dinheiro como ocorre nos veículos tradicionais.

COMO ADQUIRIR?

O cartão do bilhete único custa R$ 10 pode ser adquirido nos seguintes pontos:

- Ufes – Campus Goiabeiras – Vitória

- Terminal Jacaraípe – Serra

- Terminal Laranjeiras – Serra

- Terminal Vila Velha – Vila Velha

- Terminal Ibes – Vila Velha

- Terminal Campo Grande – Cariacica

- 43 Farmácias da Rede Farmes

Atenção: é preciso apresentar o CPF na hora da compra.

COMO RECARREGAR?

- Os cartões podem ser carregados com créditos. São 60 pontos de recarga espalhados pela Grande Vitória. O valor de R$ 10 da compra do cartão também é convertido em créditos.

- O usuário do sistema Transcol passa o cartão apenas em um validador de passagens. A partir de domingo (08), também será possível usar o mesmo cartão nos sistemas rodoviários municipais.

 

 

Ver comentários