Notícia

Vendas do varejo voltam a subir em janeiro

Varejo restrito cresceu 0,9% em janeiro, compensando a queda de 0,5% registrada em dezembro; especialistas dizem que cenário segue favorável para o consumo

Varejo
Varejo
Foto: Alexas_Fotos/Pixabay

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 0,9% em janeiro, informou nesta terça-feira, 12, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado compensa a queda de 0,5% registrado em dezembro.

O acumulado nos últimos doze meses subiu 2,5% em janeiro de 2018 e teve sua maior alta desde de novembro de 2014 (2,6%), prosseguindo em trajetória ascendente desde outubro de 2016 (-6,8%).

De acordo com os economistas, o cenário prossegue favorável para o consumo, ainda que com algumas limitações, como o desemprego elevado. Contudo, a percepção geral é de que retomada continua, mas ainda a passos lentos.

"O consumo decepcionou no último trimestre de 2017, mas a expectativa é de que a melhora da ocupação faça com que a massa de rendimentos dos trabalhadores se expanda um pouco mais este ano", avalia o economista Alejandro Padron, da 4E Consultoria.

Para a analista Isabela Tavares, da Tendências Consultoria Integrada, o segmento supermercados deve impulsionar as vendas no mês.

"Os fundamentos continuam mostrando recuperação e o varejo deve continuar a retomada gradual ao longo de 2018", diz Isabela, citando o crescimento da ocupação no mercado de trabalho e o aumento das concessões de crédito.

Ver comentários