Notícia

Espírito Santo tem 1,2 milhão de pessoas com contas atrasadas

No país, o indicador bateu recorde, com 61,2 milhões de consumidores com dívidas em atraso

Foto: Freepik

O nível de inadimplência no Espírito Santo atingiu 1,224 milhão de pessoas em abril, segundo dados da Serasa Experian divulgados nesta terça-feira (15). No país, o indicador bateu recorde, com 61,2 milhões de consumidores com dívidas em atraso.

O montante de pessoas no Espírito Santo que possuem contas atrasadas representa cerca de 2% do total de inadimplentes do Brasil. Em relação ao mesmo mês do ano passado, houve uma pequena queda. Em abril de 2017, eram 61,1 milhões de brasileiros com contas em atraso, sendo 1,283 milhão de consumidores do Estado, ou 2,1% do total.

Leia também

Os dados da Serasa indicam também que o total de contas com pagamentos atrasados no Brasil foi de R$ 271,7 bilhões. A média foi de quatro contas atrasadas por CPF, totalizando R$ 4,438 por pessoa, em média.

Os economistas da Serasa ressaltam, em nota, que o avanço do desemprego no primeiro trimestre prejudicou quem pretendia pagar as contas em dia, "já que a falta de emprego é uma das principais causas da inadimplência no Brasil."

A concentração de compromissos financeiros típicos dos primeiros meses do ano - IPVA, IPTU, material escolar, entre outros - também contribuiu para a elevação do número de pessoas com dívidas atrasadas últimos três meses, destaca a nota.

A maior concentração dos negativados está no gênero masculino, que representa 50,8% dos inadimplentes. A maioria das pessoas com débitos vencidos tem entre 41 e 50 anos (19,7% do total). Em segundo lugar no ranking de participação entre os inadimplentes estão os jovens de 18 a 25 anos, que respondem por 14,2% do total.

Ver comentários