Notícia

Madeira traz aconchego e elegância em imóveis

Aplicada nos detalhes, em móveis ou nos revestimentos, ela está sempre em alta

Varanda gourmet  traz o charme do lambri  de peroba com móveis em madeira. À direita,  mistura com cimento queimado dá um ar despojado  à área externa
Varanda gourmet traz o charme do lambri de peroba com móveis em madeira. À direita, mistura com cimento queimado dá um ar despojado à área externa
Foto: Mariana Amaral / Comunicação

 

 

Seja nos detalhes, seja como protagonista, a madeira é um material versátil que pode conferir aconchego, rusticidade e até mesmo elegância ao ambiente. Combinada a outros materiais, ela pode estar em móveis, paredes, piso ou teto, criando composições atemporais.

“A madeira está sempre em alta, pois combina com tudo. Além de ser durável, traz um certo aconchego ao ambiente. No espaço gourmet, por exemplo, peças em madeira de demolição dão um charme. Já em um ambiente mais moderno, um painel ripado garante um toque diferenciado. Também é possível brincar com cores e composições com outras texturas”, explica a arquiteta Rebecca Amazonas.

Leia também

Uma dica da profissional é estar atento às cores. “Se o tom da madeira é mais fechado, escuro, o ideal é dosar com materiais mais claros, para contrapor. Já a mais clarinha combina praticamente com tudo. É preciso levar em consideração também os veios e desenhos da madeira, para que não ‘briguem’ com outras padronagens”, orienta.

O uso do material é marca registrada em seus projetos com a sócia Juliana Mattos. No espaço desenvolvido pela dupla para área externa de uma casa, foram mesclados cimento queimado e madeira de diversas texturas em móveis soltos, na marcenaria e detalhes de piso, deixando o espaço com um ar despojado.

A madeira também deu o tom na Varanda Gourmet assinada pela designer de interiores Tatiana Espíndula para a mostra Decora Lider 2018. O ambiente composto por diversos revestimentos, como o porcelanato rústico e o lambri (forro) de peroba, tornam o espaço aconchegante e aquecido. Os tons de madeira, fendi e cinza se equilibram com o quartzito aplicado na bancada e, junto ao uso da luminária pendente, tornam o espaço ideal para receber.

Varanda gourmet  traz o charme do lambri  de peroba com móveis em madeira. À direita,  mistura com cimento queimado dá um ar despojado  à área externa

A arquiteta Paola Cimarelli Landgraf também defende que a madeira traz leveza e aconchego. Atemporal e versátil, casa bem tanto em ambientes simples quanto nos mais requintados, porém a arquiteta não recomenda o material em ambientes úmidos ou em espaços com alta incidência solar. Quando a entrada de sol é menor, é possível usar, sendo aconselhável optar por cortinas ou persianas com filtro UV.

Segundo Paola, é possível inserir o material também nos detalhes, como nos assoalhos, trazendo conforto. Ela explica que a marcenaria aquece o ambiente, mesmo quando é mesclada com metal ou pedras, presentes com frequência na decoração industrial. Ao optar por painéis e mobiliário destes materiais, a dica está na escolha de uma boa mão de obra para a instalação.

Ver comentários