Notícia

Transformar o visual da casa sem quebra-quebra pesa menos no bolso

Especialistas ensinam a repaginar a casa com mudanças simples e mais baratas

Tubulação aparente dá um ar moderno à decoração
Tubulação aparente dá um ar moderno à decoração
Foto: Arquiteta Patrícia Cillo/divulgação

Para quem pretende mudar o visual de casa sem fazer uma reforma requintada, o mercado disponibiliza várias soluções mais baratas, que dispensam a necessidade de derrubar as paredes. Antes de tomar qualquer decisão, é importante verificar todo o ambiente com cautela, e não cair no erro de adquirir objetos novos por impulso. Vale lembrar que a harmonização exterior reflete a organização dos moradores.

De acordo com a arquiteta Patrícia Cillo, as alternativas podem ser aplicadas com facilidade, com resultado basicamente imediato. “Dá para trocar as cortinas, almofadas, pendentes na sala de jantar e tapete. E colocar novos quadros”, sugere.

Se for imprescindível modificar as paredes, a boa saída é apostar em uma nova pintura. Também vale incluir papéis de parede, ofertados hoje com diversos acabamentos, além de escolher painéis de madeira, vinílico ou cimentícios. "As placas que imitam tijolo são ótimas opções para trazer um ambiente despojado e com aconchego", indica.

Segundo ela, a iluminação também não pode ficar de fora da lista de prioridades. "Existem alguns aspectos essenciais na hora de mudá-la, como o uso de abajures ou luminárias de chão com iluminação indireta para criar cenários no ambiente. Além disso, trocar as luminárias, pensando em trazer conforto, utilizando modelos diferentes e lâmpadas adequadas pra cada espaço", acrescenta Patrícia.

A mudança do layout do cômodo também alcança bons resultados, com a inclusão de objetos e móveis novos, ressalta a arquiteta Barbara Marins, do Estúdio Uvva. Algumas alterações podem ser feitas com a tubulação externa, pontos de energia elétrica e com a iluminação. Fica bem legal e moderno", indica.

Leia também

Outra alternativa é apostar na mudança dos materiais que revestem os sofás, cadeiras e poltronas. "É interessante trocar os tecidos, as almofadas e os tapetes. E mudar, principalmente, as cores do ambiente. Isso chama bastante atenção", acrescenta Barbara.

Entre as possibilidades voltadas para o piso, a arquiteta Juliana Flauzino aponta que dá para trocá-lo, sem demandar tanto trabalho. "A dica é colocar o vinílico, que, na maioria dos casos, é possível aplicá-lo em cima do piso existente. A instalação e a manutenção dele é bem fácil", comenta. A indicação é também apostar na inclusão de plantas adequadas ao espaço, pendentes, no vaso, e no solo. "Tudo isso fica bem inovador e dá uma cara nova para a casa", complementa Juliana.

Sobre as alterações na sala e na cozinha, é possível adesivar os móveis, mudar a base e trocar os puxadores nos dois locais. Nos banheiros, a arquiteta Gabriela Hipólito orienta passar massa em cima do azulejo e pintar. "A mudança nos quartos estará principalmente nos tecidos. Colocar uma cabeceira com um tecido diferente, trocar a roupa de cama, escolher almofadas novas. Além disso, quadros e adornos conseguem dar um novo ar para o ambiente.

 

 

Ver comentários