Notícia

Sobe para 50 o número de vítimas no massacre na Nova Zelândia

Ao menos 25 vítimas com idade entre três a 71 anos já foram identificadas

Região da mesquita Masjid Al Noor, em Christchurch, na Nova Zelândia
Região da mesquita Masjid Al Noor, em Christchurch, na Nova Zelândia
Foto: (Foto: Arquivo Pessoal)

Sobe para 50 o número de pessoas mortas nos ataques a duas mesquitas na Nova Zelândia, na última sexta-feira (15). A informação foi divulgada pela polícia do país.

O ato de violência que aconteceu nas duas mesquitas em Chrischurch foi realizado pelo atirador australiano Brenton Harrison Tarrant, 28. No mesmo dia dos ataques ele foi detido e denunciado por homicídio, mas ele pode ser acusado de outros crimes.

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, afirmou que entre as vítimas há crianças pequenas e pessoas de várias nacionalidades. Turquia, Malásia, Paquistão, Arábia Saudita e Indonésia foram os países citados por ela.

 

> Conheça a história do autor do massacre

Segundo informações do jornal New Zealand Herald, ao menos 25 vítimas -entre três anos de idade a 71- foram identificadas.

As forças policiais da Nova Zelândia realizam, desde a sexta, um patrulhamento em todas as mesquitas do país.

Ver comentários