Notícia

Colatina fica com apenas uma farmácia municipal após fim de contrato

Atendimentos nas unidades dos bairros eram feitos por farmacêuticos terceirizados; não há prazo para solução do problema

Fila para ser atendido tomava conta da parte externa da farmácia municipal do centro de Colatina
Fila para ser atendido tomava conta da parte externa da farmácia municipal do centro de Colatina
Foto: Reprodução | TV Gazeta Noroeste

Das nove farmácias municipais que a cidade de Colatina, no Noroeste do Estado, tem para atender a população, apenas uma está funcionando. Há duas semanas, o contrato que a Prefeitura tinha com uma organização de saúde chegou ao fim, e as unidades localizadas nos bairros ficaram sem farmacêuticos para realizar o atendimento.

Consequentemente, a farmácia localizada no centro da cidade passou a sofrer com a superlotação, já que é a única que possui farmacêuticos contratados diretamente pelo município. “Cheguei dez minutos depois de abrir e já estava com fila até o lado de fora; e se chego mais tarde, é pior ainda”, contou o aposentado José Soares da Silva.

No lado de dentro da farmácia, todas as cadeiras estavam ocupadas e pessoas aguardam serem chamadas de pé
No lado de dentro da farmácia, todas as cadeiras estavam ocupadas e pessoas aguardam serem chamadas de pé
Foto: Reprodução | TV Gazeta Noroeste

Por causa da demora e do horário de funcionamento, restringido entre 7h30 e 15h30, de segunda a sexta-feira, a dona de casa Maria de Fátima estava tentando, pela terceira vez, ser atendida. “Semana passada fiquei das 8h às 12h e fui embora para buscar meu filho, sem conseguir pegar o remédio. Hoje estou aqui de novo, mas tem mais de 30 pessoas na minha frente”, desabafou.

TAMBÉM FALTA REMÉDIO

Como se não bastasse a espera, a população de Colatina também está sofrendo com a falta de gliclazida, um medicamento utilizado no tratamento de diabetes. O aposentado Deosdete dos Santos foi buscar o remédio para a esposa, mas não conseguiu. “Como não tem aqui, vou ser obrigado a comprar. Cada caixa é R$ 25 e esse dinheiro faz falta”, disse.

Farmácia municipal do centro de Colatina fica na Rua Cassiano Castelo, 214
Farmácia municipal do centro de Colatina fica na Rua Cassiano Castelo, 214
Foto: Reprodução | TV Gazeta Noroeste

NORMALIZAÇÃO SEM DATA

Por meio de nota, a Prefeitura de Colatina afirmou que está com um processo seletivo para contratação e convocação de novos farmacêuticos para trabalhar nas unidades de saúde dos bairros Ayrton Senna, Honório Fraga, Bela Vista, Carlos Germano Naumann, Columbia, Cézar Melotti, Santo Antônio e Maria das Graças.

Já em relação ao remédio gliclazida, a administração municipal informou que a entrega da compra está atrasada devido a problemas na produção do medicamento no laboratório responsável, mas que o estoque deve ser normalizado até o próximo domingo (30). A volta dos atendimentos nas outras farmácias, porém, ficou sem data.

Ver comentários