Notícia

Morador de rua que matou empresária com vergalhão continua preso

Mensagens circulam na internet informando que o acusado estaria de volta às ruas de Vila Velha

Foto: Gazeta Online

O boato de que o morador de rua que atirou um vergalhão em uma mulher que passava pela Avenida Champagnat, em Vila Velha, no dia 4 de maio deste ano, está em liberdade tem espalhado medo. Fotos e vídeos com supostas aparições de Felipe Rodrigues Gonçalves, vulgo Alemão, foram publicadas em redes sociais na internet. A Justiça, no entanto, nega que o acusado esteja em liberdade. 

De acordo com os autos do processo, no último dia 2 de agosto, o juiz Enéas José Ferreira Miranda, da 4ª Vara Criminal de Vila Velha, manteve a prisão preventiva de Alemão com a justificativa de que a soltura do homem "apresenta risco para a população". O acusado lançou um vergalhão contra um carro e atingiu a empresária Simone Venturini Tonani, de 42 anos. Ela chegou a ser socorrida com vida, mas não resistiu ao grave ferimento.

O corpo da empresária Simone Venturini Tonani foi sepultado no dia 6 de maio deste ano, em Ponta da Fruta, Vila Velha
O corpo da empresária Simone Venturini Tonani foi sepultado no dia 6 de maio deste ano, em Ponta da Fruta, Vila Velha
Foto: Ricardo Medeiros

"Ante o exposto, garanto a prisão preventiva com validade até 4 de maio de 2038 para garantir a ordem pública, regular instrução processual e aplicação da lei penal", diz o juiz na decisão.

Procurada pela reportagem, a Secretaria de Estado da Justiça do Espírito Santo (Sejus) confirma a decisão do magistrado e garante que Felipe Rodrigues Gonçalves permanece preso.

ACUSADO TEM OUTRAS PASSAGENS PELA POLÍCIA

6 de dezembro de 2017: tentou furtar uma loja de calçados no Centro de Vila Velha, na Praça Duque de Caxias. Foi detido e liberado.

11 de dezembro de 2017: foi para o DPJ de Vila Velha acusado de arranhar a lateral de um carro. Foi liberado.

4 de janeiro de 2018: foi preso tentando abrir um porta-malas de um veículo utilizando um guarda-sol e um alicate. Foi encaminhado para o DPJ de Vila Velha e foi solto.

23 de março de 2018: um morador da Praia da Costa o reconheceu como uma pessoa que estava furtando bicicletas de um condomínio. A polícia o abordou e encontrou drogas com ele. Foi levado para o DPJ de Vila Velha e liberado.

O ASSASSINATO 

A empresária Simone Venturini Tonani, de 42 anos, foi ferida na cabeça por uma barra de ferro, na noite do dia 4 de maio deste ano, na Praia da Costa. Segundo a Polícia Militar, ela conduzia um veículo quando foi atingida pela barra de ferro de 1,5 metros lançada por Felipe. Com o objeto preso à cabeça, ela perdeu o controle do carro e acabou batendo em outro automóvel.

A mulher foi socorrida por equipes do Corpo de Bombeiros, que cortaram parte da barra. Ela foi encaminhada em estado grave para o Hospital São Lucas, em Vitória, mas não resistiu ao ferimento.

Através de câmeras de videomonitoramento, a Polícia Militar conseguiu prender o suspeito. Ele foi detido cerca de 20 minutos depois do crime na avenida Hugo Musso e levado à Delegacia Regional de Vila Velha.

FILHO VIU A MÃE SER ATINGIDA POR VERGALHÃO

O filho de apenas oito anos de Simone presenciou o momento em que a mãe foi atingida pelo vergalhão jogado pelo morador de rua. A criança estava no carro e foi retirada por pessoas que se aproximaram da cena na Avenida Champagnat, em Vila Velha, por volta das 18h34 do dia 4 de maio. Ele foi acolhido por uma vizinha da vítima, onde ficou até por volta das 22h, até que a família fosse buscá-lo.

Simone Venturini Tonani foi atingida um vergalhão
Simone Venturini Tonani foi atingida um vergalhão
Foto: Reprodução/ Instagram

Simone era proprietária de uma loja de materiais de construção e ferramentas em Cariacica. Ela morava na Praia da Costa, na cidade canela verde, e na hora do crime havia acabado de pegar o filho em um colégio particular da região.

De acordo com um primo de Simone, o também empresário Marcos Venturini, foi o menino que desbloqueou o celular para que a família da mulher fosse informada do acidente.

Ver comentários