Notícia

Dupla matou morador de rua com faca de cozinha após bebedeira na Serra

De acordo com o delegado Rodrigo Sandi Mori, os dois criminosos saíram de casa após uma tarde de bebedeira com a intenção "de matar o primeiro que vissem pela frente"

Joceano Barbosa da Silva, 25 anos e Celso Tomaz da Silva, 30 anos; ambos são acusados de matar morador de rua na Serra
Joceano Barbosa da Silva, 25 anos e Celso Tomaz da Silva, 30 anos; ambos são acusados de matar morador de rua na Serra
Foto: Divulgação | Polícia Civil

Dois indivíduos foram presos na manhã desta quinta-feira (17) acusados de matar o morador de rua Fabiano Dell Salles, que tinha entre 32 e 33 anos. Ele foi morto com um golpe de faca na noite de terça-feira (14), enquanto dormia em uma calçada em Jardim Limoeiro, na Serra.

Em coletiva de imprensa realizada nesta tarde, o delegado Rodrigo Sandi Mori, da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Serra, frisou que, desde o momento em que a corporação recebeu a denúncia, trabalhou insistentemente para encontrar os criminosos.

Fabiano Dell Salles, morador de rua morto na Serra
Fabiano Dell Salles, morador de rua morto na Serra
Foto: Divulgação

Por volta das 6h da manhã, a equipe foi até Jardim Limoeiro e realizou buscas pelo bairro. "Acuados com a procura, a dupla de apresentou ao DPJ e, em depoimento, alegaram que consumiram bebida alcoólica no dia do crime e, já querendo cometer um homicídio, saíram do local onde estavam, buscaram uma faca e confessaram que saíram naquela noite com intenção de matar o primeiro que eles vissem pela frente", informou Sandi Mori.

O delegado demonstrou indignação com o caso, por se tratar de um morador de rua indefeso, inocente e querido pela vizinhança. "Foi uma violência gratuita, e demonstra ausência de humanidade e amor ao próximo, principalmente por ele ser morador de rua, indefeso, que não oferecia riscos. Morreu porque estava dormindo", alegou.

O objeto utilizado no crime foi um faca de cozinha. Quem desferiu o golpe em Fabiano Dell Salles foi Joceano Barbosa Silva, de 25 anos. Ele tinha passagens pela polícia por roubo e dano a patrimônio público; Celso Tomaz da Silva, de 30 anos, que também participou do crime, não tinha nenhuma passagem pela polícia. Eles vão responder pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil e impossibilidade de defesa da vítima.

Após o golpe, o morador de rua levantou sem entender o que estava acontecendo; o crime aconteceu na madrugada desta quarta-feira (16) em Jardim Limoeiro, na Serra
Após o golpe, o morador de rua levantou sem entender o que estava acontecendo; o crime aconteceu na madrugada desta quarta-feira (16) em Jardim Limoeiro, na Serra
Foto: Câmera de Videomonitoramento

"Além de sermos policiais, também somos seres humanos; isso motivou nossa busca incessante por justiça. Tenho sete anos de profissão, nunca me deparei com uma covardia como essas. Podem ter certeza que não só esse tipo de homicídio, mas em qualquer outro, ainda mais se for envolvendo um inocente, a DHPP se fará presente", completou Sandi Mori.

VEJA VÍDEO

O CRIME

Um morador de rua foi assassinado na noite desta terça-feira (15) enquanto dormia em uma calçada no bairro Jardim Limoeiro, na Serra. Câmeras de videomonitoramento de um estabelecimento do local registraram o momento em que dois homens caminham pela rua, quando um deles vai em direção ao morador e desfere um golpe. 

Com informações da TV Gazeta

VEJA VÍDEO DO CRIME

Ver comentários