Notícia

Acidente com morte na Segunda Ponte: polícia suspeita de mal súbito

Um aposentado morreu após se envolver em um acidente com outros quatro veículos na Segunda Ponte no início da tarde desta quinta-feira (21)

Motorista do Vectra morreu ao bater com o carro na mureta que divide os acessos para Vila Velha e Cariacica
Motorista do Vectra morreu ao bater com o carro na mureta que divide os acessos para Vila Velha e Cariacica
Foto: Vitor Jubini - GZ

O aposentado Antônio Ferreira de Souza, de 82 anos, morreu após se envolver em um acidente na Segunda Ponte, em Cariacica, por volta de 12h15 desta quinta-feira (21). Uma pessoa que estava em outro veículo ficou ferida. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Antonio seguia com seu Chevrolet Vectra branco pela Segunda Ponte com destino a Cariacica.

De acordo com policiais que estavam no local do acidente, Antônio fazia zigue-zague com o veículo e colidiu com quatro veículos: Fiat Uno prata, Fiat Uno preto, Corsa Prata e um Peugeot preto. A primeira colisão aconteceu logo após ele ter deixado a avenida Nair Azevedo Silva, em Vitória, e seguir pela Segunda Ponte. No percurso, com o carro descontrolado, ele bateu em outros três veículos. Em uma das colisões, um Corsa capotou. Uma pessoa ficou ferida com a colisão.

Foto: Divulgação/PRF

Após bater nos veículos, Antônio colidiu na na mureta que divide o trecho que segue para Vila Velha e o acesso para o município de Cariacica. A PRF não informou como aconteceram as colisões. Com o impacto da batida na mureta, o motorista do Vectra morreu e o corpo ficou preso às ferragens. Bombeiros tiveram dificuldade de retirar o aposentado do local por causa do trânsito movimentado.

Leia também

Uma faixa no sentido Vila Velha foi interditada e o trânsito ficou ruim nos dois sentidos, já que havia muitos curiosos no sentido contrário. Até por volta de 12h30 havia carros com marcas de batidas no meio da Segunda Ponte e pastes do Vectra que ficaram para trás, como o para-choque e a placa da frente do veículo. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) constatou a morte do motorista no local. O tráfego ficou em meia-pista e apresentou lentidão durante mais de uma hora.

MAL SÚBITO

 Agentes da PRF acreditam que, pelas características do acidente, o motorista possa ter sofrido um mal súbito. No Departamento Médico Legal (DML), o filho da vítima, o corretor de imóveis Paulo de Souza, de 54 anos, contou que o pai havia saído de casa em Sotema, Cariacica, para ir à Ceasa, no mesmo município. Segundo ele, o aposentado tomava remédios para controlar a pressão.

“A gente não sabe se ele passou mal ao volante. Meu pai ia toda quinta à Ceasa. A gente não sabe o que ele estava fazendo em Vitória. Como ele não chegava em casa, fui atrás dele. Uma amiga mandou uma mensagem sobre um acidente na Segunda Ponte. Recebi uma foto, olhei a placa e vi que era meu pai”, disse o filho, chorando, enquanto liberava o corpo do pai no DML.

O corretor de imóveis disse que Antônio morava com a esposa, com quem era casado havia 58 anos. Ele deixou três filhos. O corpo está sendo velado na Igreja Católica de Sotema. O sepultamento será realizado no cemitério de Cariacica-Sede. O horário não foi informado pela família.

 

 

Ver comentários