Notícia

Com cheques roubados, golpista faz dezenas de vítimas no Sul do ES

Todas as vítimas anunciaram os seus produtos na internet. O golpista se mostra interessado e paga com cheques roubados

Quadriciclo também foi vendido para o golpista
Quadriciclo também foi vendido para o golpista
Foto: Divulgação

Quatro vítimas de um golpista procuraram a Delegacia de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado, na manhã desta segunda-feira (11). Elas anunciaram veículos e produtos diversos pela internet, negociaram com o comprador, que pagou pelos bens em cheque. Na hora de compensar, a surpresa das vítimas: os cheques eram roubados.

O golpe aplicado nas quatro vítimas aconteceu da mesma maneira. Todas elas dizem que foram enganadas por um mesmo homem, morador de Itapemirim. Elas anunciaram os seus produtos na internet, o golpista se mostrou interessado, comprou e pagamento foi feito com cheques roubados.

Barco levado pelo golpista em Cachoeiro de Itapemirim
Barco levado pelo golpista em Cachoeiro de Itapemirim
Foto: Divulgação

Em um dos casos, a vítima foi a dona de casa Margarida Zambom. O cheque de R$ 5 mil que pagaria a moto que ela vendeu é roubado. “Ele se interessou pela moto, meu marido foi levar pra ele ver e ele quis ficar com a moto, disse que na sexta feira daria o dinheiro e sumiu”, conta.

Outra vítima, teve o um kit de equipamentos de pintura, valendo R$ 7 mil comprado pelo mesmo golpista. Até uma lancha foi vendida. O prejuízo desta vez valor de R$ 15 mil.

GRUPO

As vítimas querem agora recuperar o que perderam e esperam que o golpista pague pelos crimes. O comerciante de Marataízes Carlos Lima foi outra vítima quando negociou seu quadriciclo. A negociação aconteceu em novembro. “Estou num grupo com 12 pessoas que também foram vítimas dele, em Itaoca, Itaipava, Barra do Itabapoana, Marataízes e até Anchieta”, revela.

As vítimas dizem que mais de 30 pessoas já caíram no golpe. A Polícia Civil preferiu não comentar como está a investigação dos casos e diz que até o momento ninguém foi detido.

Ver comentários