Notícia

Empresário de Jaguaré é assassinado a tiros

Corpo de Alessandro Freitas foi encontrado em estrada de área isolada de São Mateus

Alessandro Freitas, de 44 anos, era dono de uma empresa de granito em Jaguaré, no Norte do ES
Alessandro Freitas, de 44 anos, era dono de uma empresa de granito em Jaguaré, no Norte do ES
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Dono de uma empresa de granito em Jaguaré, Alessandro Freitas, de 44 anos, foi encontrado morto por volta das 17h desta quarta-feira (24), no lado norte da Estrada Vicinal, em São Mateus, no Norte do Espírito Santo. O empresário estava caído de bruços no chão e sofreu sete perfurações por disparos de arma de fogo.

De acordo com informações da Polícia Civil, a alguns metros do local estava o carro dele, no qual foram encontrados R$ 2.430 em espécie, 42 dólares, 100 bolivianos e um cheque preenchido com valor de R$ 380. Além de documentos, um cordão de ouro, sete folhas de cheque em branco e um registro de arma de fogo.

O corpo de Alessandro foi encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Linhares. O velório aconteceu na Câmara de Jaguaré, e o sepultamento ocorreu às 17 horas desta quinta-feira (25). O empresário era casado e tinha três filhos.

Em nota, a Polícia Civil afirmou que o caso segue sob investigação da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) de São Mateus e que até o momento nenhum suspeito do crime fora detido. A PC também solicitou a quem tenha qualquer informação sobre o caso, que a registre pelo Disque-Denúncia (181) ou pelo site www.disquedenuncia181.es.gov.br.

Ver comentários