Notícia

Jovem é morta a pedradas em distrito de Alegre

Autor do crime foi preso e confessou que matou Jussara Fernandes porque ela teria feito fofoca dele

Jussara Fernandes de Paula foi morta a pedradas
Jussara Fernandes de Paula foi morta a pedradas
Foto: Reprodução/Facebook

Uma jovem de 24 anos foi morta a pedradas na madrugada deste domingo (14) no distrito de Rive, em Alegre, na região Sul do Espírito Santo.

Segundo informações da Polícia Militar, o corpo da vítima, identificada como Jussara Fernandes de Paula, foi encontrado em um campo de futebol com uma pedra de 20 quilos sobre cabeça. O autor do crime, identificado como Mateus Batista de Oliveira, conhecido como Manguinha, de 23 anos, foi preso na praça da localidade e confessou o crime.

> Tio suspeito de causar morte de sobrinha em 2017 é morto em Cariacica

Testemunhas que estavam na praça relataram à PM que viram Jussara subindo em direção ao campo de futebol com Mateus e, certo tempo depois, ele teria descido sozinho correndo todo ensanguentado, e afirmou que iria em casa tomar banho.

As testemunhas acharam a atitude suspeita, foram até o campo, e verificaram a jovem já sem vida com esmagamento de crânio e perda de massa encefálica. Após a constatação, a polícia foi acionada.

O autor do crime voltou para a praça, sentou-se em um dos bancos e foi detido pela PM. Durante abordagem os policiais encontraram com ele uma pedra de uma substância parecida com crack, um pedaço de tesoura com ponta e fios. Ele confessou o crime sob a alegação de que Jussara teria feito fofoca dele.

> Policial militar reage a assalto e mata homem em Cariacica 

Mateus foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e dificultar a defesa da vítima. Ele será encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro de Itapemirim.

O corpo de Jussara foi velado na Capela Mortuária de Alegre. O enterro estava previsto para as 17h30. 

Ver comentários