Notícia

Ciclistas fazem protesto após morte de colega em ponte de Vitória

O ciclista Carlos Renato Souza foi morto durante um assalto na tarde da última terça-feira (14). Em homenagem, uma placa com uma foto dele foi colocada no local

Ciclistas fizeram protesto na Cinco Pontes
Ciclistas fizeram protesto na Cinco Pontes
Foto: Internauta | Gazeta Online

Centenas de pessoas estiveram na Cinco Pontes, na Ilha do Príncipe, em Vitória, na noite desta quinta-feira (16) para protestar contra o assassinato do ciclista Carlos Renato Souza, morto durante um assalto na tarde da última terça-feira (14). Em homenagem, uma placa coma  foto dele foi colocada no local.

> Ciclista assassinado na Cinco Pontes era pai de duas crianças

Ciclistas, amigos e familiares da vítima reuniram-se no local por volta das 20 horas e fecharam os dois sentidos da ponte. De acordo com a organização, havia 500 pessoas no local. A maioria do manifestantes estava de bicicleta e solicitava mais segurança pra região, e pedia para que o caso não caia no esquecimento.

Leia também

Por volta das 20h50, os manifestantes seguiram para a Segunda Ponte, onde pretendiam atravessar para Vila Velha, e ir até ao Convento da Penha, onde, de acordo com organizadores, haverá uma oração.

Muito abalados, os familiares estiveram presentes. Um irmão dele, que não quis se identificar, contou que os filhos, a mulher dele, e a mãe, estão arrasados com a morte. O familiar ainda relembrou que a vítima era um ótimo pai, uma pessoa trabalhadora, do bem e que vai fazer muita falta.

VÍDEO

O CASO

De acordo com um boletim da Polícia Militar, ele foi abordado por indivíduos portando armas de fogo no momento em que passava na ponte, que fica na Ilha do Príncipe. O ciclista, então, teria reagido, segundo a PM, e acabou sendo atingido por disparos.

Carlos Renato Souza
Carlos Renato Souza
Foto: Reprodução | Facebook

Os autores do crime roubaram a bicicleta que estava com a vítima e fugiram, mas foram presos pela polícia. 

> Disque-Denúncia ajudou a localizar dupla que matou ciclista em Vitória

Testemunhas que conversaram com a polícia informaram que os assaltantes estavam em uma bicicleta — um pedalando e outro sentado próximo ao guidão. Populares afirmam que os criminosos anunciaram o assalto e a vítima reagiu segurando a arma do bandido.

> Ciclista já havia dado bicicleta quando foi morto em ponte de Vitória

A bala acertou o ciclista na área do pescoço, transfixou e saiu pela parte de trás da nuca. Moradores afirmaram que assalto naquela região são constantes. Um técnico de informática, de 36 anos, relatou que há três meses também teve a bicicleta roubada quando passava pelo local. Ele afirmou que é comum ver assaltantes ou suspeitos em cima da ponte esperando pelas vítimas.

> Ciclistas reclamam sobre falta de segurança na Cinco Pontes

Ver comentários