Notícia

Delegado vai pedir prisão de irmãos suspeitos de matar fisioterapeuta no ES

Segundo o delegado Cláudio Rodrigues, os suspeitos são irmãos, com idades próximas de 18 e 27 anos, e moram em Ibatiba.

Jéssica de Assis Marques morava no interior de Ibatiba
Jéssica de Assis Marques morava no interior de Ibatiba
Foto: Reprodução

O caso que surpreendeu todo o município de Ibatiba, no Sul do Estado, nesta segunda-feira (17), continua sendo investigado pela Polícia Civil, que já identificou os suspeitos de terem assassinado a jovem Jéssica de Assis Marques, de 23 anos.

Segundo o delegado Cláudio Rodrigues, os suspeitos são irmãos, com idades próximas de 18 e 27 anos, e moram em Ibatiba. Jéssica foi baleada do lado esquerdo e um dos tiros acertou o coração.

Durante contato da reportagem do Gazeta Online na manhã desta terça (18), o delegado disse que aguardaria até o meio-dia para que os suspeitos se entreguem, caso contrário pedirá a prisão deles.

A Polícia Civil está desde as 07h desta terça na rua, cumprindo mandados de busca e apreensão sobre este e outros casos investigados.

Jéssica estava desaparecida desde a noite deste domingo (16) e o corpo foi encontrado na comunidade de Santa Maria, serra da Sicupemba, bem perto da BR 262. A moto em que ela estava, também foi encontrada junto ao corpo.

A jovem era fisioterapeuta e trabalhava na Apae do município. O mandado de prisão preventiva foi expedido pela Justiça no início na noite. O delegado informou que a polícia capixaba busca apoio da polícia mineira para chegar aos suspeitos. 

Ver comentários