Notícia

Família de prefeito é feita refém por bandidos fortemente armados no ES

Filho do prefeito, a nora, a mãe da nora, os dois netos e três funcionários da fazenda foram rendidos por cinco criminosos fortemente armados. As oito vítimas foram sequestradas e depois abandonadas em um cafezal de Nova Venécia. Polícia faz buscas atrás dos suspeitos

Viatura da Polícia Militar na propriedade da família do prefeito, na zona rural de Ecoporanga
Viatura da Polícia Militar na propriedade da família do prefeito, na zona rural de Ecoporanga
Foto: Internauta

A família do prefeito de Ecoporanga, Elias Dal Col, passou por momentos de terror na noite desta segunda-feira (17), na propriedade onde vive, em Córrego do Osvaldo Cruz, zona rural do município. O filho do prefeito, a nora, a sogra do rapaz, os dois netos, além do caseiro, a mulher dele e o vaqueiro foram sequestrados por cinco bandidos fortemente armados.

Segundo um parente, que pediu para não ser identificado, por volta de 18h30 tem uma tirada de leite na fazenda. Neste momento, os funcionários e a família foram rendidos pela quadrilha. Usando luvas, tocas e lanternas na cabeça, os criminosos amarraram as vítimas e reviraram as duas casas da propriedade.

SEQUESTRO

Casa foi revirada por criminosos em Ecoporanga
Casa foi revirada por criminosos em Ecoporanga
Foto: Internauta

“Em uma casa mora o prefeito e, na outra, mora o filho. As residências ficam a cerca de 50 metros uma da outra. Foi tudo revirado. Os bandidos estavam procurando pelo prefeito, mas não davam mais informações. Falavam o tempo todo ‘Cadê o prefeito? A gente sabe que ele mora aqui’. Mas ele não estava em casa no momento. Então, sequestraram a família”, contou o familiar.

Após roubarem alguns objetos pessoais e eletrodomésticos, os suspeitos levaram também as duas caminhonetes da família (uma Hilux e uma Amarok), colocaram as oito vítimas nos veículos e fugiram em direção a Nova Venécia. Os criminosos seguiram também em um Ford Ka, que mais tarde foi queimado e abandonado em uma estrada.

DEIXADOS EM LAVOURA

Veículo que foi queimado e abandonado pelos criminosos após sequestro
Veículo que foi queimado e abandonado pelos criminosos após sequestro
Foto: Internauta

Já a família do prefeito e os três funcionários foram deixados em uma lavoura de café na zona rural de Nova Venécia. Os suspeitos pediram que eles aguardassem um tempo no local antes de buscar ajuda. Um tempo depois, o filho do prefeito conseguiu chegar a uma rodovia próxima e pediu auxílio a um taxista que passava por lá. Todos foram socorridos sem ferimentos e levados à Delegacia de Polícia de Nova Venécia, onde registraram o boletim de ocorrência.

“O filho do prefeito disse que os bandidos trataram todos bem, não foram agressivos. Mas cada um estava com duas, três armas. Eles sabiam o que queriam, parecia uma quadrilha especializada e preparada para a ação”, explicou o parente.

O familiar contou que os netos do prefeito são duas crianças (uma menina de 4 anos e um menino de 9 anos). Como os bandidos não foram violentos, elas não entenderam o que estava acontecendo.

Ainda de acordo com ele, a Polícia Civil isolou a propriedade da família e realiza uma perícia no local, na manhã desta terça-feira (18). Uma equipe faz buscas na região, atrás dos suspeitos. O caso é investigado pela Delegacia de Polícia de Ecoporanga.

PREFEITO ESTAVA NA CAPITAL

O prefeito Elias Dal Col estava em Vitória, nesta segunda-feira, a trabalho. Nesta terça-feira, voltou para Ecoporanga e passa toda a manhã em reuniões. Procurada, a prefeitura informou que não vai enviar nota por enquanto, a pedido da polícia, para não atrapalhar as investigações.

PERÍCIA EM PROPRIEDADE

Desde a manhã desta terça-feira (18), a Polícia Civil realizou perícia nas casas que foram arrombadas no Córrego do Osvaldo Cruz, a dois quilômetros do Centro de Ecoporanga. 

VEJA FOTOS

Ver comentários