Notícia

Em vídeo, suspeito de tráfico e assassinato no ES canta e exibe arma

Operação da Polícia Civil prendeu 13 pessoas em Cariacica; dupla acusada de tráfico e homicídios na região segue foragida

Patrick da Silva de Paula, o Patrick Capetinha, de 19 anos, e Vinicius Pereira Ferreira, o Menor Escobar, de 21. Os dois estão foragidos
Patrick da Silva de Paula, o Patrick Capetinha, de 19 anos, e Vinicius Pereira Ferreira, o Menor Escobar, de 21. Os dois estão foragidos
Foto: Divulgação | Polícia Civil

A Polícia Civil está em busca de dois suspeitos de tráfico de drogas e assassinatos que aterrorizam bairros de Cariacica. Patrick da Silva de Paula, o Patrick Capetinha, de 19 anos, e Vinicius Pereira Ferreira, o Menor Escobar, de 21, não foram localizados durante a Operação Asfixia, deflagrada na quinta-feira (4). Em um vídeo divulgado pela Polícia Civil, na tarde desta sexta-feira (05), Patrick aparece cantando e exibindo uma arma. 

Na operação, treze pessoas foram presas. O delegado Tarik Souki, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Cariacica, revelou que a operação também tinha como objetivo prender Patryck e Vinicius, que são apontados como traficantes e responsáveis por pelo menos cinco homicídios na região. Eles foram procurados em seis endereços, porém, não foram encontrados.

Esses indivíduos são homicidas e traficantes dos bairros Bela Aurora, Maracanã, Boa Sorte e Bandeirantes. São acusados de cinco homicídios.Temos provas produzidas também que eles são traficantes dessas áreas, dominam e se associam a outros traficantes praticando diversos homicídios nessas regiões
Delegado Tarik Souki

A OPERAÇÃO 

13 são detidos durante operação em Cariacica
13 são detidos durante operação em Cariacica
Foto: Divulgação | Polícia Civil

Pelo menos treze pessoas foram presas após uma ação realizada em Cariacica. A Operação Asfixia tem o objetivo de reprimir crimes contra o patrimônio, além de homicídios e tráfico de drogas no município.

De acordo com a Polícia Civil, três foram detidos por mandado de prisão e dez em flagrante. O suspeito Júlio César Barcelos de Mattos Oliveira, de 38 anos, que tinha mandado de prisão em aberto, foi preso no Bairro São Conrado. Outro detido também por mandado de prisão em aberto foi Leno da Rocha Máximo, de 45 anos. Ele foi preso no Bairro Alto Boa Vista.

O suspeito Willian Pereira de Souza Vidal, de 27 anos, foi autuado por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Na residência dele, localizado no Bairro Vila Independência, a polícia encontrou munições, um revólver calibre 38, buchas de maconha, além de R$ 1,9 mil em espécie.

Ver comentários