Notícia

Estudante que morreu em acidente na Serra queria ser missionária

"Como Jó fala Deus deu, Deus tira", desabafou o pai

Rayanne Araújo Pitombo, 19 anos, que morreu em um acidente em Carapina neste sábado (6)
Rayanne Araújo Pitombo, 19 anos, que morreu em um acidente em Carapina neste sábado (6)
Foto: Arquivo pessoal

A estudante de Administração, Rayanne Araújo Pitombo, 19, era o orgulho do pai e visava ser missionária da igreja que frequentava. “Ela queria rodar o mundo, se compadecia das pessoas e conhecia a Palavra e os princípios. Era uma pessoa de família”, descreveu o pai da universitária, o empresário Robson Gonçalves Pitombo, 52 anos.

Ela é uma das três vítimas do acidente envolvendo um carro de passeio e uma carreta carregada de abóboras que aconteceu na noite deste sábado (6), em Carapina, na Serra. 

> Três pessoas morrem em acidente entre carro e caminhão na Serra

Ele e a esposa compareceram no DML para fazer os trâmites para liberação do corpo da filha para o velório. Abatido com a perda da filha, Robson disse que a havia falado com a filha no sábado. “Ela trabalhava em uma ótica. Falou que ia para a casa de uma amiga, onde passaria a noite, e que nós conhecíamos a família. Porém, como estava na casa da avó após o trabalho, decidiu sair com outra amiga e aconteceu essa fatalidade. Como Jó fala ‘Deus deu, Deus tira’”, desabafou o pai.

Leia também

As outras duas vítimas do acidente são o universitário Gabriel Macedo, que era amigo e vizinho do frentista Alexandre de Bazilio Ferreira, 22 anos, também morto na colisão com um caminhão. Os dois moravam em Serra Dourada II, na Serra.

“Alexandre era uma pessoa muito tranquila, não tinha vícios e que corria atrás das coisas deles. Há duas semanas ele conseguiu um emprego de frentista. Era filho único, morava com a mãe e havia perdido o pai há um ano apenas. Deus quer as coisas boas, por isso escolheu Alexandre, que era um anjo", lamentou Idinéia Vaz Ferreira, tia de Alexandre. O corpo do rapaz será enterrado às 9h30 desta segunda-feira (8), no Cemitério Parque da Paz, na Serra.

Ver comentários