Notícia

Operação em Cariacica prende 13 pessoas acusadas de crimes diversos

A operação tinha como objetivo reprimir crimes contra o patrimônio, além de homicídios e tráfico de drogas no município

13 são detidos durante operação em Cariacica
13 são detidos durante operação em Cariacica
Foto: Divulgação | Polícia Civil

Pelo menos treze pessoas foram detidas após uma ação realizada nesta sexta-feira (5), em Cariacica. A operação tem o objetivo de reprimir crimes contra o patrimônio, além de homicídios e tráfico de drogas no município.

De acordo com a Polícia Civil, três foram detidos por mandado de prisão e dez em flagrante. O suspeito Júlio César Barcelos de Mattos Oliveira, de 38 anos, que tinha mandado de prisão em aberto, foi preso no Bairro São Conrado. Outro detido também por mandado de prisão em aberto foi Leno da Rocha Máximo, de 45 anos. Ele foi preso no Bairro Alto Boa Vista.

> Praça é cercada pelo tráfico de drogas em Vitória

O suspeito Willian Pereira de Souza Vidal, de 27 anos, foi autuado por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Na residência dele, localizado no Bairro Vila Independência, a polícia encontrou munições, um revólver calibre 38, buchas de maconha, além de R$ 1,9 mil em espécie.

DELEGADOS FALAM SOBRE AÇÃO


Durante a operação, duas mulheres foram presas juntas no bairro Porto Cariacica. Maria da Penha Lobato da Silva, de 43 anos, e Júlia da Silva Borges, de 21 anos, foram autuadas por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Dentro da casa delas, havia 50 buchas de maconha. O que chamou atenção da polícia é o fato de que Maria da Penha já possuía passagem por tráfico, associação ao tráfico e posse de arma, em 2009. Segundo a polícia, isso mostra que mesmo após 10 anos, ela fazia do crime um estilo de vida. 

Leia também

Outras duas pessoas também foram detidas. Andreli de Jesus Lopes, de 21 anos, e Juliana Correa Schwanz, de 18 anos, foram autuadas por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Com eles, a polícia encontrou 223 buchas de maconha, 14 buchas de haxixe, 22 papelotes de cocaína, 42 pedras de crack e um caderno com anotações da contabilidade do tráfico.

No bairro Sotema, os acusados Lucas Souza Nunes, de 21 anos, e Janderson Silvares Vitor Gonzaga, de 19 anos, foram presos e autuados por tráfico de drogas e associação ao tráfico. A residência onde eles estavam a polícia apreendeu 20 pinos de cocaína, 75 pedras de crack, e R$ 590 em espécie.

> Homem é preso acusado de matar tatuador após cobrança de dívida no ES

Outros três jovens autuados por tráfico de drogas e associação ao tráfico foram identificados como Leonardo dos Santos Candido, de 18 anos, Erisvaldo Souza Santana, de 24 anos, Mateus Fernandes Santos da Rocha, de 18 anos. Eles foram presos no bairro Piranema. Na casa onde eles estavam a polícia encontrou seis pinos de cocaína, oito pedras de crack, duas buchas de maconha e R$ 62 em espécie.

> Traficantes cortam luz de praça em Vila Velha para vender drogas

Entre as pessoas detidas com drogas, um homem, de 67 anos, foi autuado por posse ilegal de arma. Dentro da casa dele, os policiais apreenderam 12 munições de diversos calibres, 9 frascos de pólvora, três armas calibre .36 e .28. Segundo Alcides, ele tinha as armas para utilizar na caça. Na delegacia, ele pagou fiança e foi liberado.

APREENSÕES

Objetos apreendidos durante operação
Objetos apreendidos durante operação
Foto: Divulgação | Polícia Civil

Ao todo, a polícia apreendeu quatro armas, 17 munições, 319 buchas de maconha, 228 pinos de cocaína, 125 pedras de crack, 14 buchas de haxixe, 9 frascos de pólvora e R$ 2,5 mil em espécie. 

O chefe-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda, afirmou que a operação em Cariacica aconteceu devido ao alto índice de homicídio nos últimos meses no município.

A ação, que foi realizada em conjunto com a Polícia Militar, foi comandada pela Delegacia de Repressão de Crimes contra o Patrimônio, com apoio do 7º Batalhão da Polícia Militar e a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Cariacica.

Ver comentários