Notícia

Após quatro dias sem homicídios, jovem é assassinado na Serra

O último assassinado cometido na Grande Vitória havia sido registrado às 23h30 de terça-feira (03), na Rua Muqui, no bairro Planalto Serrano, na Serra

Local onde corpo foi encontrado
Local onde corpo foi encontrado
Foto: Isaac Ribeiro

Após quadro dias sem nenhum homicídio na Grande Vitória, a Polícia Civil (PC) registrou, na madrugada de ontem, o primeiro assassinato na região metropolitana desde a última terça-feira (03). Outros dois crimes ocorreram no final de semana.

A primeira vítima foi Maycon Aparecido dos Santos Ferreira, 18 anos, morto com 18 tiros. Ele foi alvejado em um tiroteio por volta das 13h40 do sábado (07), próximo a um supermercado do bairro São Marcos 2, na Serra, e morreu horas depois no hospital para onde havia sido socorrido.

Maycon foi atingido por dois tiros na perna, dois no braço e 14 no abdômen. O caso seguirá sob investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Serra.

TORTURA

Além disso, um homem ainda não identificado pela polícia foi encontrado morto em um terreno baldio às margens da Rua 43, no bairro Nova Rosa da Penha, em Cariacica, na manhã de ontem. De acordo com a polícia, o corpo apresentava marcas de tortura como um fio enrolado ao pescoço e perfurações de arma de fogo na cabeça.

O caso foi registrado como homicídio e será investigado pela delegacia especializada de Cariacica. As informações de autoria e motivação ainda são desconhecidas.

O homem também estava carbonizado, não sendo possível realizar a identificação na análise inicial. O corpo foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória para ser identificado e para ser feito o exame cadavérico.

Moradores relataram que diariamente acontecem tiroteios entre traficantes que agem na região. O motivo é disputa por pontos de comércio de drogas nos bairros do entorno.

OUTRA MORTE

Já no início da noite de ontem, por volta das 18h, mais um assassinato aconteceu na Serra. Um homem, de 27 anos, foi encontrado morto dentro de sua casa, no bairro Nova Carapina 2, por seus familiares. A Polícia Civil informa que nenhum suspeito foi detido.

O caso seguirá sob investigação da DHPP da Serra, e outras informações não serão passadas, no momento, para não atrapalhar o andamento das investigações.

O corpo da vítima foi encaminhado para o DML de Vitória, para ser identificado e para ser feito o exame cadavérico, que irá apontar a causa da morte.

O último assassinado cometido na Grande Vitória havia sido registrado às 23h30 de terça-feira (03), na Rua Muqui, no bairro Planalto Serrano, também na Serra. O desempregado Jackson Oliveira da Silva, 21 anos, foi executado com três tiros sendo um na cabeça, um no peito e outro nas costas.

(Com informações de Gustavo Cheluje e Isaac Ribeiro)

Ver comentários