Notícia

Assessor de Bolsonaro na transição, irmão de Magno Malta viaja com dinheiro público

Diretor da EPL, Maurício Malta embarcou para estudos na Itália e Portugal

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Irmão do senador Magno Malta (PR-ES), o diretor de gestão da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), Maurício Malta, integra o gabinete de transição do presidente eleito, Jair Bolsonaro, desde 13 de novembro, mas não dá expediente no local.

Funcionário comissionado da estatal que é controlada politicamente pelo PR do senador Magno Malta, o diretor, logo depois de ser integrado ao time de Bolsonaro, decidiu aproveitar os últimos dias no cargo que ocupa no governo do presidente Michel Temer para fazer cursos de aperfeiçoamento na Europa.

O tour de quase 20 dias por Roma, na Itália, e Coimbra, em Portugal, já custou R$ 50,3 mil e foi inteiramente bancado com dinheiro público.

Ver comentários