Notícia

Corpo de Gerson Camata será velado no Palácio Anchieta

Público poderá prestar homenagens ao ex-governador a partir das 10h desta quinta-feira (27) na sede do governo do Estado

Gerson Camata foi assassinado na tarde desta quarta-feira (26), na Praia do Canto
Gerson Camata foi assassinado na tarde desta quarta-feira (26), na Praia do Canto
Foto: Vitor Jubini | Arquivo | GZ

O corpo do ex-governador do Espírito Santo e ex-senador Gerson Camata (MDB) será velado no Palácio Anchieta, sede do governo do Estado, a partir das 8h desta quinta-feira (27). De acordo com o coronel Daltro Ferrari, da Casa Militar, de 8h às 10h o velório será restrito à família do ex-governador. A partir das 10h e até as 15h, aberto ao público no Salão São Tiago.

Leia também

"A partir das 15h, a família recebe as condolências, as pessoas vão poder prestar homenagens, será aberto ao público", conta. Às 15h deve sair um cortejo fúnebre, com um caminhão do Corpo de Bombeiros, até o cemitério Jardim da Paz, na Serra. A despedida a Gerson Camata também vai contar com uma escolta, a ser feita durante o cortejo, por policiais militares. E ainda com salva de tiros fúnebre, também executada pela Polícia Militar. 

"Haverá também a entrega da bandeira à família, o que pode ser feito pelo governador Paulo Hartung, e um toque de silêncio", enumera o coronel Ferrari. A organização da cerimônia fica a cargo da Casa Militar.  O sepultamento deve ocorrer às 16h.

LUTO

O governador Paulo Hartung (ex-MDB, hoje sem partido) decretou luto de sete dias no Estado e já havia colocado o Palácio à disposição da família do ex-governador para a realização da cerimônia fúnebre. 

O governador eleito Renato Casagrande (PSB) e outros ex-governadores também lamentaram a morte de Gerson Camata. A Assembleia Legislativa foi outro Poder a decretar luto de sete dias

Ver comentários