Notícia

Ninguém mais recebe auxílio-moradia no Tribunal de Justiça do ES

Já o reajuste salarial de 16,38%, contrapartida para "o fim" do benefício, cai na conta dos magistrados este mês, seguindo aumento concedido aos ministros do Supremo Tribunal Federal

Esse conteúdo é exclusivo para assinante.

Assine o Gazeta Online e acesse.

Ainda não é cadastrado?

Cadastre-se grátis

Ver comentários