Notícia

Prefeitura de Guarapari vai dar aumento de até 23% para servidores

Reajuste foi aprovado pela Câmara Municipal na sessão desta quinta-feira e terá impacto de cerca de R$ 5 milhões por ano

Prédio da Prefeitura de Guarapari
Prédio da Prefeitura de Guarapari
Foto: Divulgação/ Prefeitura de Guarapari

Os servidores da Prefeitura de Guarapari vão receber aumento de até 23% nos salários. Mais de 2 mil funcionários ativos e aposentados de praticamente todas as áreas serão beneficiados. Os reajustes são a partir de 7%, dependendo do cargo, e serão pagos já no contracheque de julho. Somente os professores não serão contemplados, pois já tiveram aumento de 4,17% este ano.

O aumento ocorre com o cenário econômico ainda desfavorável no país. A prefeitura afirma, porém, não vai ultrapassar os limites de gasto com pessoal impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). 

O projeto de lei, que também criou um novo plano de cargos e salários para todas as categorias de servidores, fazendo compensações de piso salarial, foi aprovado pela Câmara Municipal na sessão desta quinta-feira (04), e seguiu para a sanção do prefeito. O último reajuste concedido aos servidores de Guarapari foi de 3%, em 2015

De acordo com a prefeitura, os reajustes vão representar um impacto de R$ 5 milhões por ano, o que significa 2% de aumento no índice de gasto com a folha de pagamento. Por mês, o aumento de gastos será de R$ 400 mil. Até o momento, de acordo com dados do Tribunal de Contas do Estado (TCES), a prefeitura está gastando 46,5% da receita corrente líquida com o pagamento de pessoal, o que está dentro do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal. Com o reajuste, continuará abaixo do limite de alerta, que é de 48,6%.

> Leia também: Prefeitura de Guarapari prepara concurso para área da Educação

O prefeito Edson Magalhães (PSDB) justificou o aumento de gastos, mesmo em um momento de instabilidade financeira vivenciada no país. "Para termos uma gestão eficiente é fundamental valorizarmos nossos servidores. Essa valorização se reflete na melhoria na qualidade do serviço prestado à população", disse.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Direta e Indireta e do Poder Legislativo de Guarapari (Sintrag), Thiago Magno, explicou que o reajuste dos servidores foi concedido de acordo com o nível ocupado, sendo que quem tem um menor nível e ganha abaixo do salário mínimo teve um reajuste um pouco maior. "Esse não era o melhor reajuste, mas para o servidor que está há anos com o salário defasado porque não estava tendo reajuste isso faz diferença", disse. 

 

Ver comentários