Notícia

Vídeo: prefeita presa no ES é recebida com gritos de "eu te amo"

Prefeita alvo da Operação Rubi do Ministério Público prestou depoimento nesta terça-feira (23) em outro processo, relacionado ao tio, na condição de testemunha.

Ao ser levada para prestar depoimento no Fórum de Presidente Kennedy na manhã desta terça-feira (23), a prefeita afastada do município, Amanda Quinta (ex-PSDB), foi recebida por um grupo de apoiadores com gritos de "Amanda, eu te amo".

Ela foi ouvida na condição de testemunha em processo relacionado à Operação Lee Oswald, de 2012. Alvo da Operação Rubi, deflagrada para apurar pagamentos de propinas em troca de vantagens a empresários no Sul do Estado, a prefeita está presa desde 9 de maio.

O depoimento foi marcado para as 9 horas desta terça. Algumas dezenas de pessoas acompanharam a chegada da prefeita, acompanhada pela Polícia Militar. O juiz da cidade foi quem pediu reforço policial para a audiência de instrução e julgamento.

Em vídeo feito por um dos populares, ouve-se o grupo gritando palavras de apoio a Amanda Quinta. "O Reginaldo tinha muito mais, né?", diz uma pessoa, na gravação. Trata-se de Reginaldo Quinta (DEM) mentor político e tio de Amanda. Ele chegou a ser preso em 2012 e é um dos réus no processo.

ASSISTENCIALISMO E POLÊMICAS

Denúncias de corrupção marcam a política recente de Presidente Kennedy, cidade também caracterizada por brigas de família pelo poder. Apesar dos escândalos e das operações policiais, políticos seguem idolatrados. Como o Gazeta Online já mostrou, o assistencialismo fala mais alto que as denúncias.

As polêmicas de Kennedy não são restritas à prefeitura. Um juiz da cidade foi afastado pelo Tribunal de Justiça do Estado após indícios de "esquema de favorecimento" e também por relação amorosa com parente de Reginaldo Quinta, que tem processos naquela comarca.

Ver comentários