Notícia

Uma tonelada de atum é doada para instituições carentes no Sul do ES

Pescado estava sem a certificação necessária para ser comercializado

21 instituições foram beneficiadas
21 instituições foram beneficiadas
Foto: Divulgação - Idaf

Mais de mil quilos de filé de atum foram doados para instituições carentes do Sul do Estado nesta quarta-feira (22) em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Estado. Os peixes, in natura, foram apreendidos no posto de fiscalização da divisa do Espírito Santo com o Rio de Janeiro e estavam sem as certificações necessárias para serem comercializados.

De acordo com o Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), a apreensão ocorreu há aproximadamente um mês. O coordenador regional do Idaf, Justino Marcos Marquezine, disse que os pescados estavam sem o Selo de Inspeção Federal (SIF). O veículo era proveniente de Camocim, no Ceará, e a carga seria entregue na cidade do Rio de Janeiro. O responsável foi autuado, além de ter os produtos apreendidos.

Os alimentos foram encaminhados para um entreposto para que o beneficiamento fosse feito de forma adequada. Ao todo, 21 instituições beneficentes de oito municípios do Sul do Estado foram beneficiadas com 1.070 quilos de filé de atum.

O técnico do Idaf, Rodrigo Oliveira, explica que, sem a inspeção sanitária, não é possível identificar a origem dos produtos e se ele foram armazenados e processados em condições ideais. “Como o alimento não havia sido processado, foi possível encaminhar para um estabelecimento registrado que pudesse realizar o procedimento, tornando apta a doação”, disse.

COMPLEMENTAÇÃO NA ALIMENTAÇÃO 

Os municípios que receberam as doações foram: Bom Jesus do Norte, São José do Calçado, Irupi, Ibatiba, Iúna, Venda nova do Imigrante, Mimoso do Sul e Cachoeiro de Itapemirim. Os produtos foram distribuídos de acordo com a quantidade de pessoas atendidas e a capacidade de armazenamento de cada instituição.

Para a secretária da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Iúna, Euziléa Henriques de Oliveira, a doação será fundamental para o apoio à instituição. Eles receberam 80 quilos de pescado. “Atendemos em torno de 232 pessoas, de segunda a quinta-feira, sendo oferecidas três refeições diárias. Essa complementação nos alimentos será essencial. Para alguns alunos, a refeição da associação é a única com que podem contar”, disse.

 

 

Ver comentários