Notícia

Morre Roberto Fiorin, ex-prefeito de Alfredo Chaves

O ex-prefeito tinha 61 anos e foi hospitalizado desde domingo com fortes dores no abdômen

Morreu na tarde desta terça-feira (26) o ex-prefeito de Alfredo Chaves, Roberto Fortunato Fiorin (PSB). Ele estava em um hospital da Grande Vitória, em estado grave, desde o último domingo (24) com infecção generalizada. O município decretou luto de três dias.

O ex-prefeito tinha 61 anos e foi hospitalizado com fortes dores no abdômen. Desde então, o quadro se agravou e a infecção ocasionou a morte.

A notícia causou comoção entre as autoridades políticas no município. “Só temos a lamentar essa perda enorme para a cidade. Era uma pessoa muito querida. Foi uma morte repentina, terça mesmo estava visitando repartições da prefeitura, revendo amigos e passou mal de sábado para domingo. Foi para a UTI e o quadro se agravou. Ele sempre atendeu muito bem as pessoas. Todos estão muito abalados ainda”, disse o presidente do diretório do PSB de Alfredo Chaves, Carlos Eugênio Ramalho Tavares.

O prefeito do município também recebeu a notícia com pesar. “Roberto era um grande parceiro nosso. Fui seu vice na primeira gestão, depois me sucedeu. É um abalo muito grande. Essa notícia me pegou de surpresa. Muitos na cidade ainda não sabem. Já estávamos pensando na próxima eleição. Ia ser nosso candidato de novo”, comentou o prefeito Fernando Videira Lafayette (PSB).

Natural do distrito de Ibitiruí, interior de Alfredo Chaves, Roberto foi eleito para dois mandatos - o primeiro em 1997 e o segundo em 2012. Roberto venceu as eleições ao obter 5.615 mil votos, 63,59% do eleitorado de Alfredo Chaves na época.

O ex-prefeito também era servidor aposentado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e lecionou para rede pública durante anos. Uma marca registrada era sua devoção aos costumes da Igreja Católica, onde era fácil vê-lo ministrando celebrações.

GOVERNADOR

O governador do Estado, Renato Casagrande, emitiu nota de pesar. "Lamento profundamente o falecimento do ex-prefeito de Alfredo Chaves por dois mandatos, Roberto Fiorin, ocorrido nesta terça-feira (26). O Estado perde um grande líder regional, mas ficam as boas lembranças de nosso correligionário. Nossos sentimentos à família e aos amigos neste momento de tanta dor".

VELÓRIO E SEPULTAMENTO

O velório de Roberto Fiorin será nesta terça a partir das 22h na casa de Rogéria Lucia Fiorin Gaigher, em Ibitiruí. Nesta quarta, às 8h, o corpo será levado para sua residência, também em Ibitiruí, com velório até as 15h. Depois, seguirá para a comunidade de Santa Maria, onde será sepultado às 16h.

Ver comentários