Notícia

Policial civil morre em acidente de moto na BR 262 após plantão

Geovane Teixeira Xavier havia acabado de sair do plantão na Delegacia Regional de Venda Nova do Imigrante e seguia sentido Mutum, Minas Gerais

O policial saiu da Delegacia de Venda Nova do Imigrante
O policial saiu da Delegacia de Venda Nova do Imigrante
Foto: Divulgação | Polícia Civil

Um policial civil de 48 anos morreu após se envolver em uma batida de moto na BR 262, em Ibatiba, Região do Caparaó, na manhã deste sábado (02). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Geovane Teixeira Xavier, havia acabado de sair do plantão na Delegacia Regional de Venda Nova do Imigrante e seguia sentido Mutum, Minas Gerais.

A batida aconteceu no Km 146, por volta das 9h40. Uma caminhonete, com placas de Vargem Alta, bateu na traseira de um carro de passeio, com placas de Contagem, Minas Gerais. Ambos seguiam sentido Vitória. Com o impacto, o carro de passeio invadiu a contramão, acertando lateralmente o motociclista Geovani Teixeira Xavier, que pilotava uma Honda CG 150.

Geovani Teixeira Xavier
Geovani Teixeira Xavier
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Ele sofreu uma grave fratura em uma das pernas e foi socorrido por populares até o pronto-socorro de Ibatiba. No local, ele recebeu os primeiros socorros e seria encaminhado pelo helicóptero Harpia, da Polícia Militar, para unidade de Vitória. A aeronave chegou a decolar, porém, a vítima teria sofrido paradas cardíacas e faleceu às 13h.

O corpo do policial será encaminhado ao Serviço Médico Legal de Cachoeiro de Itapemirim.

CRIANÇA SOCORRIDA

Uma criança, que viajava no carro de passeio envolvido na batida, sofreu escoriações e também foi levada para a unidade do município de Ibatiba. A informação é de que ela já recebeu alta médica.

CONVERSA COM COLEGAS E REPORTAGEM

Segundo colegas de trabalho da Delegacia de Venda Nova do Imigrante, o policial civil encerrou o plantão às 8h e retornava para casa, em Mutum. Na unidade, lúcido, Geovani chegou a conversar por telefone com um investigador e a família, relatando o acidente.

Durante a ronda policial, pela manhã, a reportagem do Gazeta Online chegou a falar com o policial, que informou que a noite havia sido muito tranquila.

O trânsito, segundo a PRF, não foi interditado.

NOTA DA POLÍCIA CIVIL

"É com profunda tristeza que recebemos, neste sábado (02), a notícia do falecimento do investigador de polícia Geovane Teixeira Xavier. Com mais de 20 anos de serviços dedicados à PCES, o investigador estava localizado no plantão da 11ª Delegacia Regional de Venda Nova do Imigrante. O investigador faleceu após sofrer um acidente automobilístico no município de Ibatiba, enquanto saía do plantão e seguia para sua residência na cidade de Mutum, em Minas Gerais. Manifestamos aqui nossa solidariedade aos familiares e amigos, rogando a Deus que conforte o coração de todos neste momento."

José Darcy Arruda, delegado-geral da Polícia Civil

 

 

Ver comentários