Notícia

Precatórios bilionários não condizem com o mundo real

Cobrança de servidores por indenização do Estado que se arrasta na Justiça há quase 30 anos pode até ser legítima, mas valor de R$ 14 bilhões é fora da realidade

Esse conteúdo é exclusivo para assinante.

Assine o Gazeta Online e acesse.

Ainda não é cadastrado?

Cadastre-se grátis

Ver comentários