Notícia

"Já inventaram o fone de ouvido", diz leitor sobre sobre som na praia

Internautas comentam a polêmica do som alto nas praias, após vídeo de briga na Bacutia viralizar no WhatsApp

 

 

 

 

Praia da Bacutia, em Guarapari
Praia da Bacutia, em Guarapari
Foto: Divulgação

O volume alto das caixas de som nas praias tem incomodado os banhistas, mas há quem defenda que no verão tudo é permitido. Um vídeo de uma briga na Praia da Bacutia viralizou no WhatsApp, com o dono do equipamento afirmando que "praia não é lugar de descanso". Confira abaixo a opinião de alguns leitores sobre a polêmica.

Quer ouvir som no talo enquanto está na praia? A humanidade inventou uma paradinha massa, chamada FONE DE OUVIDO. Aí você pode estourar seus miolos com sua música favorita, sem ser um estorvo para os outros 99,99% das pessoas que compartilham o mesmo ambiente público que você. O fato de ser público não dá o direito de ninguém te proibir de ouvir música, e nem de você obrigar os outros a escutar a sua num volume que as incomoda. Dá pra conciliar os dois.

Ciro Pierote

Quer descansar fica em casa... Vai ter som sim e se reclamar ainda vai ter trio... Kkkkkkkkkkkk

Cleo Júnior

É lugar de silêncio sim, para ouvir o barulho do mar. Vem esse povo mal-educado colocar uma droga de música e acha que todo mundo tem de ouvir. Respeite o próximo

Claudia Calmon Do Nascimento Sales

Cabe à polícia tomar as medidas cabíveis, som alto em locais públicos sem autorização prévia da prefeitura ou de qualquer setor caracteriza pertubação do sossego, cabe o agente agir da seguinte forma, pedir para que seja diminuído o volume do equipamento. Caso o cidadão se recuse, basta conduzir apenas o contraventor com seu equipamento para uma delegacia, a pena é de 15 dias a 3 meses ou pagamento de multa. Obs: o reclamante não precisa acompanhar os agentes até a delegacia. A regra é clara. Não existe essa ideia de que quem quer ter paz ir para o mosteiro, se você está em um local público você não tem direito de impor ou forçar aos outros a sua vontade, o seu credo, a sua música. Falta mais informações aos agentes para agir da maneira correta, e mais educação para essas pessoas que acham que podem fazer o que quiser em locais públicos.

Moisés Oliveira

Se todo mundo aprender que nossa liberdade acaba quando a do outro começa, fica todo mundo de boa.

Rovênia de Souza

O problema não é a caixa de som, mas sim a falta de bom senso e educação de quem as usa. É a mesma história do celular no ônibus...

Leonardo Pôncio

50 mil pessoas na praia, não tem um centímetro de areia sobrando, barulho de carro/ônibus de avenida de orla direto e o pessoal querendo silêncio de mosteiro zen, é complicado.

João Paulo Peres

A questão é que existem um gaiatos, seja nas praias, nas suas casas em seus bairros ou em qualquer lugar, que acham que os que estão por perto são obrigados a ouvir certas músicas daquelas só agradam a quem tem mãe na zona. É por isso que dá confusão entre vizinhos, até conhecidos, e entre estranhos em coletivos etc. Cada um tem que se mancar, pô.

Paulo Araújo

Eu saio para praia, levo o celular e meu fone e fico lá curtindo meu dia com as minhas músicas, sem ter que ouvir o lixo do vizinho. Bom que ninguém chega perto para falar abobrinha kkk

Renan Ferreira

Sim, concordo, não é lugar para descansar, mas também não é lugar de enlouquecer a vida das outras pessoas, tenho que respeitar o espaço de cada um, respeitar o próximo, colocar o som sim, mas não precisa colocar no último volume, a praia e para todos... E não somente para os baderneiros.

Hellen Cristina Montan

A praia é pública, impedir o outro de ouvir sua música é errado, agora querer controlar o volume sugiro ir em outra praia, mais calma, com pouco movimento, se a intenção é ouvir o barulho do mar. Até porque é verão, as praias geralmente estão lotadas.

Valquíria Nunes

Ver comentários