Notícia

Escolha uma parede e monte uma galeria em casa

A Gallery Wall é uma tendência na decoração, um tipo de disposição de diferentes molduras, e até elementos na parede, criando uma harmonização entre eles

As paredes podem virar verdadeiras galerias com as diferentes disposições de quadro
As paredes podem virar verdadeiras galerias com as diferentes disposições de quadro
Foto: Reprodução/ instagram

Quem aí não gosta de mudar o sofá de lugar? Ou incrementar a decoração do quarto com um porta-retrato? Tudo isso pra dar outra cara ao ambiente, porque o décor também pode ser diversão, e se for gastando pouco, melhor ainda né? Por isso, trouxemos outra ideia, que pode mudar totalmente a sua parede, e deixá-la mais viva transformando o clima do lugar: é a Gallery Wall, um tipo de disposição de diferentes molduras, e até elementos na parede, que cria uma harmonização entre eles.

> Você sabe inserir uma obra de arte na decoração?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Wee Blue Coo Ltd (@weebluecoo) em

A arquiteta Karina Korn explica que na composição é possível inovar sempre, e não existem regras - desde que os quadros, molduras, e elementos conversem entre si. “Usamos em muitos lugares da casa. Sala, quartos, corredores e copas, tudo tem uma nova possibilidade de combinação”, complementa Karina.

> Plantas no quarto: conheça as espécies ideais - e melhore até o sono

A MONTAGEM

Karina explica que uma forma simples de não errar na hora de fazer a montagem da sua galeria de parede é começar colocando os quadros no chão, e assim ver de qual maneira aquela composição se adapta melhor.  “Antes de passar para a parede, aconselho se divertir simulando a montagem no chão do local, como se estivesse brincando de quebra-cabeça”, brincou.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Art&Found (@artandfound.co) em

ATENÇÃO AO TAMANHO DAS PEÇAS

A arquiteta Wanesca de Mendonça esclarece que é imprescindível também levar em conta o tamanho do local e o tamanho das molduras. Ou seja, ambientes pequenos ficam melhores com uma galeria menor, com quadros mais delicados. Já ambientes grandes, merecem molduras e quadros mais imponentes, que ocupem mais espaço daquele local. “Para os dois casos, desalinhamentos despretensiosos variando as alturas dos quadros é inusitado, e fica incrível”, complementou ela.

 

> Invista em uma parede viva e ganhe sustentabilidade e estilo em casa

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por CHRISTINE | OLMSTEAD (@christineolmstead) em

A profissional ainda explica sobre a simetria de cada composição, e indica peças de mesmo tamanho para composições simétricas, enquanto que peças de tamanhos diferentes podem ser usadas em montagens mais dinâmicas, e expansivas. “Para quem enjoa fácil das coisas na casa, composições assimétricas e dinâmicas são as mais indicadas. Uma dica bacana também seria, vez ou outra, trocar alguns quadros de lugar, para dar uma arejada no décor”, indicou Wanesca.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Anna Pacheco (@the_pacheco_project) em

FOTOGRAFIAS SÃO BEM VINDAS

Geralmente as galerias de parede são compostas por quadrinhos com temas, frases, e outros objetos que se possa pendurar. Porém, uma ótima maneira de deixar essa montagem com a cara do anfitrião da casa é investir nas fotos e, segundo as arquitetas, a imaginação não tem limites. “Gosto muito de montar diferentes Gallery Walls com fotos de viagens e momentos marcantes da família, sempre acaba sendo uma atração nas reuniões de amigos em casa”, disse a arquiteta Vanessa de Mendonça.

> Piscinas: projetos de todos os tamanhos e estilos

“Ás vezes usamos a mesma foto em cor preto e branco, mudando a cor da moldura, para um efeito diferente”, complementou a arquiteta Karina Korn.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Art Prints & Fun Bits by Emily (@doodle_moo) em

E NO QUARTO DAS CRIANÇAS?

O quarto dos pequenos também merece aquele décor extrovertido, e com mais cor. Para isso, as Gallery Walls podem ser boas aliadas. Wanesca explica que as molduras nesse ambiente devem sempre estar bem fixadas nas paredes, para evitar qualquer tipo de acidente. E vale investir em temáticas didáticas, de acordo com a idade de desenvolvimento. “Gerar estímulos visuais para os pequenos é super importante. E uma dica aqui é optar por molduras simples e retas, para não desviar a atenção das gravuras dos quadros”, especificou ela.

Seguindo esse modelo de molduras, vale também investir no colorido. “Quarto de criança merece cor, então vale espalhar molduras coloridas pela Gallery Wall”, indicou a arquiteta Karina Korn.

Leia também

 

 

Ver comentários