Notícia

10 bandas de rock capixaba disputam vagas do Vitória Rock Festival

A 3ª etapa do evento será neste sábado, dia 15, a partir das 13h, no estacionamento do Shopping Vitória. Três mil pessoas são esperadas

1ª etapa Vitoria Rock Festival
1ª etapa Vitoria Rock Festival
Foto: Ciro Trigo

Vitória vai “respirar” rock n’ roll no próximo fim de semana. Já está tudo pronto para receber as dez bandas de rock capixaba que participam da 3ª etapa do Vitória Rock Festival. O evento será realizado neste sábado, dia 15, a partir das 13h, no estacionamento do Shopping Vitória, na Capital. E espera receber mais de três mil pessoas. Serão mais de 10 horas de muito rock e outras atrações. Os grupos disputam as últimas três vagas na grande final do concurso, que acontece em dezembro.

Segundo o empresário e organizador do eventoDiego Lobato, o Vitória Rock Festival busca valorizar as melhores bandas de Rock do Espírito Santo, criando um espaço para que elas possam se apresentar, divulgar seu trabalho e revelar talentos, contribuindo para o aprimoramento e desenvolvimento da cultura musical capixaba. “Além disso, a cada etapa do evento, a concessionária Vitória Harley-Davidson disponibiliza diferentes atividades para o público sentir o que é ser e fazer parte da família Harley-Davidson. Entre as atrações, entrega de motos, para compradores, no palco com quebra de correntes e sinos, pista de Test Ride ao redor da Arena, simulador ‘Jump Start’, além dos espaços tattoo, barbearia, espaço kids e muitas outras atrações para a família inteira”, diz.

Além das dez bandas que disputam a 3ª etapa, o evento ainda terá uma atração extra, o show exclusivo da banda Símios. Depois de 13 anos afastados da formação mais clássica do grupo , Danny Boy, Macacko (Gustavo), Piui (Bruno Zanetti) e Cachalote (Ricardo Mendes) se reencontram para um show único no festival. Uma oportunidade para matar as saudades deste quarteto que tocou e fez história dentro do movimento autoral do rock capixaba.

Nesta 3ª e última etapa antes da final, mais três bandas serão selecionadas, uma autoral e duas covers, que seguem para a grande final no dia 1º de dezembro. Elas disputam o título de campeã ao lado das que já passaram pelas outras duas etapas. São elas: Like a Boss e Big Bat Blues Band, na categoria ‘Original Band’; e as bandas cover Dublin (U2), The Singles (The Beatles), Highway (Bon Jovi) e High Voltage (AC/DC), na categoria ‘King of Cover’.

Participantes

Nesta 3ª edição, as bandas selecionadas na categoria ‘Original Band’, ou seja, bandas autorais, foram: 5 Nós, The Devils, André Prando e Riffbiller. Já na categoria ‘King of Cover’, de bandas covers, estão na disputa: Dona Fran (Led Zeppelin), Everlong (Foo Fighters), Beast Sides (Iron Maiden), Pink Flaming (Pink Floyd), Quintal Selvagem (The Police) e Yellow (Coldplay).

André Prando, um dos artistas participantes, vai apresentar músicas já conhecidas do seu repertório e algumas composições inéditas de seu novo disco “Voador”, que será lançado até novembro na Capital. “O show promete muita visceralidade e letras sagazes com rock psicodélico brasileiro. É um evento que instiga os artistas a darem seu melhor nas apresentações, que serão assistidas por públicos e bandas bem distintos. Esta é uma das maravilhas do festival, ou seja, a mistura de cenas tão diferentes _ autoral e cover”.

Outro grupo na disputa é o The Devils, que levou o 2º lugar na primeira edição do Vitória Rock Festival, realizado no ano passado. A banda está confiante com o favoritismo este ano. Para o baixista Murilo Larrubia, a expectativa é a melhor possível. “Estamos chegando mais fortes para o concurso. O novo álbum‘We are The Devils’ foi bem avaliado pelo site europeu Metal Addictscomo. Além disso, nossas músicas caíram no gosto do público. Elas seguem um estilo próprio”, comenta.

Murilo acrescenta que a ideia da banda é levar músicas alegres para todo mundo ouvir, com composições que relatam histórias reais do dia a dia dos integrantes de forma divertida.

Para curtir

Para quem quiser torcer pela sua banda favorita ou apenas curtir a vibe rock n’ roll e outras atrações do evento, a venda dos ingressos já começou na concessionária Vitória Harley-Davidson, site da Bluetcket, e em outros pontos. O valor, no lote promocional, é de R$ 30,00. Mais informações sobre o evento também podem ser acompanhadas nas redes sociais do festival, no Instagram e Facebook.

3ª etapa do Vitória Rock Festival

• Dia: sábado (15 de setembro)

• Horário: das 13h às 23h45

• Local: estacionamento do Shopping Vitória

• Valores dos ingressos: Lote promocional: R$ 30,00 (valor único)

• Pontos de vendas: loja Vitória Harley-Davidson (venda apenas em dinheiro. End.: Rua Humberto Martins de Paula, 30, loja 1, Enseada do Suá, Vitória); ou Quiosque Acesso Vip, Mancave Barbershop, no Shopping Vitória; ou pelo site do www.blueticket.com.br e redes autorizadas.

• Classificação: 16 anos.

Menores de 16 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis.

• Atrações: show com as bandas cover capixabas: Dona Fran (Led Zeppelin), Everlong (Foo Fighters), Beast Sides (Iron Maiden), Pink Flaming (Pink Floyd), Quintal Selvagem (The Police) e Yellow (Coldplay);e com os grupos autorais:5 Nós, The Devils, André Prando e Riffbiller. Convidado especial: Banda Símios.

BANDAS QUE DISPUTAM A 3ª ETAPA DO VITÓRIA ROCK FESTIVAL:

Categoria King of Cover

• Pink Flaming

Pink Flaming
Pink Flaming
Foto: Polly Santos

A banda Pink Flaming nasceu com o propósito de fazer um tributo à obra da banda Pink Floyd. Desde sua fundação, a Pink Flaming tem se dedicado a reproduzir um pouco da atmosfera sonora dos shows do Pink Floyd, por meio de uma profunda pesquisa técnica e teórica sobre a obra dessa lendária banda inglesa. Em seus shows, a banda capixaba representa todas as fases e todos os álbuns do Pink Floyd, e a execução das músicas é feita da maneira mais fiel possível, respeitando todas as características, como timbres, texturas efeelingúnicos do Pink Floyd. A banda é formada por músicos experientes do cenário artístico capixaba: Aline Lima (Vocal), Bruno Souza (Baixo e vocal), João Cruz (Bateria), Maycon Amaral (Guitarra, violão,steel guitar) eOliver Martins (Teclado, samples, sintetizador e vocal).

• Dona Fran

Banda Dona Fran
Banda Dona Fran
Foto: Mirnah Rowe

A cantora capixaba Dona Fran reuniu a paixão pelo classic rock com o feeling da sua banda. São mais de 15 anos na estrada. No repertório, cover originais e versões dos maiores ícones musicais do gênero, porém, para a 3ª etapa do Vitória Rock Festival, a banda se dedica ao cover da banda Led Zeppelin. Além da Dona Fran, no vocal, a banda é composta por Léo Vaccari, nas guitarras, Vini Menezes, no contrabaixo, e Gustavo Bride, na bateria.

Beast Sides

Banda Beast Sides
Banda Beast Sides
Foto: Michel Bassul

Desde adolescentes, os amigos Leonardo Schuler (guitarra) e Bruno Massa (baixo) compartilham a paixão pela música da Donzela de Ferro. Convocaram Leonardo Machado (guitarra) e Gustavo Bride (bateria) depois de um som casual. Desde 2005, eles se apresentam homenageando a lendária banda britânica Iron Maiden. Atualmente, o posto de vocalista é da talentosa tatuadora Kessy Borges. Apesar de deixarem explícito no nome a predileção pelos lados B, esses fãs incondicionais prometem um show apenas com clássicos eternos.  

 

• Quintal Selvagem

Quintal Selvagem
Quintal Selvagem
Foto: Divulgação

Apesar de tocarem rock contemporâneo como Kings of Leon, The Killers, The Black Keys, Franz Ferdinand, entre outros, e também clássicos como Chilli Peppers, Foo Fighters e System of a Down, a banda disputa a 3ª etapa como cover da banda inglesa The Police. Com esse power trio no palco, o clássico rock'n roll chega em cena para todas as gerações que gostam do estilo.

• Yellow

Banda Yellow
Banda Yellow
Foto: Kelwy Oliveira

Cover da banda britânica Coldplay, aYellow faz o seu som com identidade própria, mas mantendo a fidelidade sonora. A primeira apresentação ao vivo da banda aconteceu no dia 05 de março de 2016, durante o casamento do vocalista Jailer Lage. Ainda sem nome, os amigos se juntaram para homenagear a noiva e surpreender os convidados, tocando um dos maiores singles da banda britânica, Sky full of stars. Passado o casamento, resolveram se juntar mais vezes tocando os outros sucessos da banda por hobby. Entretanto, a vontade de construir um cover fiel foi se consolidando. Hoje, a Yellow se destaca no mercado musical capixaba, e também se apresentam no Rio de Janeiro. A banda é formada por Vitor Medeiros (baixo e samplers), Paulo Kunsch (bateria), Jailer Lage (vocal e violão) e João Marcos (guitarra).

• Everlong

Everlong
Everlong
Foto: Aline Zanardo

A banda Everlong surgiu em 2011 com a proposta de homenagear a banda Foo Fighters. Sua formação conta com músicos experientes vindos de diversas bandas da cena undreground capixaba, como Letal (Metallica Cover), Tourette, Nuck, Old School e Sasquatch. A proposta do grupo, formado por Rodrigo Carneiro (guitarra e voz), Bernardo Bertoldi (guitarra solo e backing vocal), Fabrício Bicudo (baixo) e Marcus Fiorin (bateria e backing vocal), é executar os covers com a maior fidelidade possível, respeitando o material original do Foo Fighters. Isso sempre proporciona shows energéticos e divertidos tanto para a banda como para o público. A ideia é envolver o público nesta atmosfera de bom humor, descontração e diversão que caracteriza o Foo Fighters.

Categoria Original Band

• André Prando

André Prando
André Prando
Foto: Divulgação

Prando é, atualmente, um dos principais nomes da música no Espírito Santo. Com voz e identidade marcante, chama atenção por sua performance visceral e composições com raiz psicodélica de rock setentista, privilegiando poesia e canção. Com um EP e um CD na bagagem, atualmente trabalha no novo álbum para 2018,com produção de Jr Tostoi, que já apresentou o single "Em chamas no chão". A banda é formada por André Prando (guitarra e voz), Henrique Paoli (bateria e voz), Jackson Pinheiro (baixo) e Phillip Rios (guitarra, teclado e voz). 

 

• Cinco Nós

Cinco Nos
Cinco Nos
Foto: Marcus Vinicius

Rock, Pop, Funk, Blues e um toque experimental. Esses ingredientes somados ganham forma e ritmo com “Cinco Nós”, grupo formado por cinco artistas capixabas, que resolveram misturar suas influências sonoras e fazer o que os fãs e eles mesmos classificam de “musiqualidade”, termo que também dá nome para o primeiro CD da banda, lançado em 2010. As letras das músicas não deixam de lado um toque de romantismo. O mosaico musical da banda é inspirado em Dave Matthews Band, Lenine, Djavan, Sting, entre outros. A banda é formada por Nano Vianna (voz e violão), Renato Furtado (vocal e guitarra), Alexis Gonzaga (teclado),Thaysa Pizzolato (teclado), Lucas Jonis (baixo) e Gustavo Bride (bateria).

• Riffbiller

Banda Riffbiller
Banda Riffbiller
Foto: Tato Villanova

É uma banda de rock de Vila Velha, formada em 2004. É composta por Kinho (guitarra e voz), Fabrício Bicudo (baixo) e Daivison Borges (bateria). Inicialmente, o grupo se chamava “Old School” e já tinha lançado dois singles: “Velhos Tempos” e “O Bom e Velho Rock n’ Roll”. Esta segunda música se transformou em um clipe que se destacou em programas de TV, internet e também em alguns festivais de cinema pelo Brasil. Em 2016, Riffbiller lançou seu primeiro álbum intitulado “Vila Velha Democracy”, contendo 13 faixas que também podem ser conferidas em plataformas digitais.

• The Devils

The Devils
The Devils
Foto: Rayssa Paiva

Formada por Heron Ribeiro (vocal), Yan Barbosa (guitarra), Murilo Larrubia (baixo) e Daniel Bins (bateria), a banda começou em meados de 2011. Já tocou em várias cidades do Espírito Santo e ficou em segundo lugar no 1º Vitória Rock Festival, no ano passado. O único objetivo é levar algo próximo do New Wave of British Heavy Metal, da década de 80, para o mundo. A ideia da banda é recomeçar essa nova onda no Brasil, junto com os grupos parceiros de sua cidade de origem, dando início ao New Wave of Brazilian Heavy Metal. Hoje já tem dois discos gravados e alguns videoclipes com mais de 400 compartilhamentos e 50 mil visualizações no Facebook.