Notícia

Cuidados na hora de se refrescar: Gelo e limão podem causar infecções

Associados a refrescância no forte calor do verão, limão e gelo podem conter bactérias que acabam em infecção

No calor, tudo o que queremos é uma bebida gelada e refrescante. Por isso, em bares e restaurantes a pergunta já é rotina: “aceita a bebida com gelo e limão?” Mas saiba que essa dupla pode ser perigosa para a sua saúde. Gelo de procedência duvidosa e fatias de frutas que não foram devidamente higienizadas podem causar intoxicações e acabar com o seu verão.

 

Limão e gelo usados em bebidas podem causar infecções
Limão e gelo usados em bebidas podem causar infecções
Foto: Divulgação


“O gelo tem que ser feito com água filtrada. O grande problema que, em alguns lugares, isso não é feito. Muitas bactérias e substâncias vivas resistem à temperatura baixa e podem causar problemas”, explica o clínico geral, nefrologista e professor da Emescam, Michel Assbu.



Frutas, como limão e laranja, também precisam ser higienizadas antes de serem fatiadas. E não basta apenas lavar com água. “É preciso colocar também em um solução de 1 colher de sopa de água sanitária para cada litro de água. Bactérias podem causar a chamada doença do viajante, deixando a pessoa febril, com mal-estar e diarreia”, diz.



Segundo o médico, apesar de o problema ser considerado simples - desaparece com uma boa hidratação - pessoas com a imunidade baixa podem ter reações mais graves. Mesmo assim, não é motivo para abrir mão da combinação.



“O gostoso é tomar com gelo e limão, mas tem gente que abdica do gosto pela segurança. É preciso bom senso”, lembra o médico.

Ver comentários