Notícia

Clube da elite gaúcha tem nome citado como 'isca' em golpe

Estelionatários tem cobrado supostos valores de transferência ligando a possibilidade de integrar o plantel do São Luiz para o estadual de 2020

Se aproveitando do sonho de milhares e milhares de jovens em se tornarem jogadores profissionais bem-sucedidos, golpistas tem se aproveitado do prestígio recente de um clube gaúcho para atraírem pessoas a caírem em uma artimanha que pode custar caro.

Utilizando o nome do São Luiz de Ijuí e até mesmo mencionando o atual treinador, Leandro Machado, pessoas estariam se passando por intermediárias em negociações que, supostamente, auxiliariam a chegada dos interessados ao elenco da equipe que disputará novamente em 2020 o Campeonato Gaúcho.

Para isso, pessoas até mesmo de outros estados eram contatadas por um telefone com o DDD 77, geograficamente identificado como pertencente ao estado do Bahia, apresentando a oportunidade e a necessidade do pagamento de uma taxa de transferência para levar o atleta ao interior gaúcho.

Tamanha tem sido a repercussão desse golpe que o clube, através de nota oficial, utiliza um tom conscientizador alegando que jamais falará em nome de qualquer representante terceirizado ratificando o fato de que todas as contratações são feitas diretamente pelo Departamento de Futebol do Rubro.

Confira a nota oficial do São Luiz sobre o tema:

O Esporte Clube São Luiz comunica que indivíduos mal intencionados - e não autorizados pelo clube -, estão utilizando, indevidamente, do nome da entidade e do técnico, Leandro Machado, para fazer propostas a atletas com a suposta oferta de vaga no elenco 2020.

Trata-se de golpe em que são cobrados valores para falsas transferências de outros estados do país. O número de telefone celular utilizado tem código de área 77.

Ressaltamos que todas as negociações deste tipo são realizadas exclusivamente pelo Departamento de Futebol do clube. O São Luiz não está realizando, neste momento, avaliações ou testes e nem cobra valores ou taxas de atletas.

Se você recebeu esse tipo de oferta, denuncie e não compartilhe informações falsas.