Notícia

Ex-Vitória, Vitinho brilha no Sul e é disputado por Figueirense e Avaí

Vestindo a camisa do Guarani de Palhoça, capixaba é artilheiro do Campeonato Catarinense com sete gols em nove jogos

Puxe aí na memória, quem foi a revelação do Campeonato Capixaba de 2012? O Capixabão daquele ano teve o Aracruz como grande campeão, e um dos destaques da competição foi, justamente, um jogador revelado profissionalmente pelo Dragão do Norte. Victor Neves Rangel, o Vitinho, vestia a camisa do Vitória e foi considerado o melhor atacante e a grande revelação daquele campeonato.   

 

Três anos depois, o capixaba, de 24 anos, repete a boa fase no sul do Brasil. Com a camisa do Guarani de Palhoça, ele é o artilheiro do Campeonato Catarinense com sete gols em nove jogos disputados até o momento.

 

Vitinho: artilheiro do Campeonato Catarinense com a camisa do Guarani de Palhoça
Vitinho: artilheiro do Campeonato Catarinense com a camisa do Guarani de Palhoça
Foto: Reprodução/Internet

 

"Graças a Deus tenho feito um bom campeonato aqui. São 7 em 9 jogos e por enquanto lidero a artilharia. A média tava melhor, mas conforme vamos ficando conhecidos a marcação começa a ser mais acirrada", diz o jogador.

 

Vitinho tem contrato com o Guarani de Palhoça até o final do estadual. E a fase é tão boa, que o atacante já tem despertado o interesse de clubes maiores como Avaí e Figueirense.  

 

Atacante foi a revelação do Capixabão 2012 com a camisa do Vitória
Atacante foi a revelação do Capixabão 2012 com a camisa do Vitória
Foto: Gabriel Lordêllo

"Eu sempre sonhei com isso. Fazer meu trabalho, despertar interesse dos grandes e jogar lá. Mais sempre com pés no chão. Já estão falando por ai que assinei com o Figueira e que eu tinha um acordo com o Avaí. Mas não é verdade. Eles já sondaram, mas nada oficial ainda", garante.

 

Com passagem por outros clubes capixabas, como Cachoeiro e Desportiva, ele afirma que ainda acompanha o futebol do Espírito Santo, diz que gostaria de escrever uma nova história no time Grená e lamenta a atual situação do futebol capixaba.

 

"Sempre acompanho os times que joguei e que tenho bastante carinho como Desportiva e Vitória. Pelo Vitória tive uma passagem muito marcante e está guardado o carinho pelo clube. E pela Tiva fiz uma passagem discreta por conta de uma lesão que tive no joelho e foi uma recuperação difícil, por isso seria legal poder escrever uma nova história já que minha passagem ano passado não foi muito boa", sugere, sem garantir se voltará a jogar no Espírito Santo.

 

E se for para comparar o futebol capixaba com o catarinense, o jogador é taxativo: falta investimento para que os clubes do Espírito Santo alcancem voos mais altos.

 

"A diferença é muto grande. Aqui são 4 times que irão jogar a série A do Brasileiro e um jogará a Série B. O investimento é muito grande e por isso os times daqui conseguem ter estrutura para chegar nesse alto nível. Amo o Espírito Santo, mas precisamos evoluir se quisermos um time ou mais para representar o nosso Estado no cenário nacional. Acho que a falta de apoio das grandes empresas faz com que o nosso Estado não avance", conclui.

 

Veja alguns gols de Vitinho pelo Guarani de Palhoça

 

 

 

Victor Neves Rangel - Vitinho

 

Posição: atacante

Idade: 24 anos

Clubes: Aracruz, Espírito Santo, Vitória, Clube Náutico-SC, Madureira-RJ, Cachoeiro, Desportiva e Guarani de Palhoça  

Ver comentários