Notícia

Empresário afirma que Adriano volta a jogar no exterior ainda neste mês

Após perder 8 quilos, atacante estaria decidindo entre duas propostas de fora do Brasil, e deve acertar em breve seu retorno

Desde que deixou o Corinthians em março de 2012, Adriano já teve algumas tentativas frustradas de voltar a atuar - como o interesse do Le Havre - e uma fugaz passagem pelo Atlético-PR. Eis que, já nesses primeiras dias de 2016, sobra expectativa sobre o seu futuro. Diversos clubes brasileiros surgiram como possíveis destinos para Adriano, com 33 anos. Mas seu futuro deverá ser o exterior.

Em postagem em uma rede social neste sábado, aumentou a expectativa de que retomará sua carreira – interrompida em 2014, quando defendeu o Atlético-PR. “Tô voltando”, escreveu o ídolo do Flamengo. Ele não deu mais detalhes sobre o que seria esse retorno.

Luiz Cláudio Menezes, o Luca, empresário do jogador, garante que Adriano tem o retorno ao futebol como foco já para este primeiro semestre. Ele teria emagrecido oito quilos e decidirá, em até duas semanas, qual das duas propostas de clubes de fora do Brasil aceitará.

"O Adriano emagreceu bastante, uns 8 Kg, está trabalhando para voltar. A decisão está nas mãos dele, ele é quem decidirá. Acredito que faça isso ainda em janeiro", disse Luca, ao LANCE!.

Luca não quis revelar quais são os países dos clubes que fizeram as propostas concretas por Adriano. Seria alguma equipe da China, país cuja Liga conta cada vez mais com jogadores de destaque do Brasil? O certo é que o destino do Imperador poderia ser o futebol nacional. Clube interessado não falta.

Torcedores do Tupi-MG e Náutico iniciaram campanhas nas redes sociais pedindo a contratação de "Didico". Outro mineiro, o Villa Nova, foi atrás e teria desistido após saber dos valores. O Cruzeiro-RS se colocou à disposição para recuperar o atleta. Já o União Rondonópolis (MT) confia em tê-lo.

"Nós vamos mandar a proposta, o histórico do clube, mostrar que o União é grande", garantiu Carlos Rufino, presidente do União, à Rádio Clube de Rondonópolis.

Resta saber se Adriano iniciará nova experiência na Europa ou seguirá alimentando o imaginário de muitos torcedores no Brasil.

Ver comentários